10 passos para fazer as pazes com a balança nesse início de ano

Rosayne Macedo
para-fazer-as-pazes-com-a-balança
Passadas as festas de final de ano, tudo o que queremos é começar 2018 perdendo os quilinhos extras que ganhamos depois dos exageros alimentares cometidos durante as ceias, não é verdade? Nessa hora vale de tudo, menos inventar dietas malucas que vão prejudicar sua saúde e te deixar mais vulnerável às viroses e intoxicações comuns durante o verão.
Segundo o especialista em nutrologia Leandro Gago, do Rio de Janeiro, para o gerenciamento de perda de peso, para retomar o ritmo após as festas, o mais indicado é consumir alimentos de fácil digestão como saladas, frutas, carnes magras e legumes. “Inclua ainda no cardápio diário fibras como aveia, soja, germe de trigo e castanha de caju, pois as fibras facilitam a digestão e dão mais saciedade”, explica.
Para te ajudar a se livrar, de uma vez por todas, das gordurinhas adquiridas neste período, Leandro elaborou uma lista com os 10 passos
para iniciar 2018 com tudo em cima. Confira!
1° Passo: Assuma um compromisso com você mesma
“Se quer realmente emagrecer é preciso dedicação. Aproveite o começo do ano e estabeleça metas diárias como incentivo para perder peso. Nessa fase, é importante manter o comprometimento, assim fica mais fácil chegar ao resultado final” diz o nutrólogo.
2° Passo: Pratos leves
Faça refeições leves com verduras, legumes e saladas. Dê preferência às carnes magras cozidas, assadas ou grelhadas.
3° Passo: Faça de 5 A 6 refeições diárias
Não deixe de fazer de cinco a seis refeições ao dia, bem fracionadas. “O café da manhã, almoço e jantar devem ser equilibrados e completos. Entre as refeições principais, inclua um lanche ou fruta, vale ainda apostar em barra de cereal e sucos ou água de coco. Nunca pule as refeições, isso só piora a fome e faz com que você coma mais em outra refeição”, aconselha o especialista.
4° Passo: Abuse dos sucos 
Segundo Leandro Gago dar preferência aos sucos e água para hidratar é uma forma inteligente de cuidar do organismo. Escolha os mais refrescantes e menos calóricos: melão, limão, abacaxi e maracujá.
5° Passo: Invista em carboidratos
Consuma os carboidratos integrais como pão, arroz e macarrão (integral), aveia, granola, entre outros. Esses alimentos contam com maior teor de fibras e outras substâncias como vitaminas, antioxidantes e minerais.
6°Passo: Diga não aos doces
Evite-os em excesso. “O ideal é comer uma porção pequena ou substituir a sobremesa por uma fruta”, alerta o nutrólogo.
7° Passo: Passe o tempo bebendo água
Beba muita água, de 2 a 2,5 litros por dia. Prefira água ou água de coco, evitando refrigerantes e sucos em pó, que não são bons hidratantes,
pois muitos deles contêm alto teor de sódio, responsável pela retenção líquida.
8° Passo: Intervalo entre refeições
Mesmo sem muita fome não deixe de comer nos intervalos das refeições. Dê preferências às frutas, iorgurtes light, queijo branco ou barras de cereais light.
9° Passo: Gorduras insaturadas
Coma alimentos que possuem gorduras insaturadas como peixes de água fria (salmão, por exemplo), abacate, castanhas e nozes. Elas podem evitar problemas de saúde e não atrapalham a perda de peso, desde que não sejam também consumidas em excesso.
10° Passo: Uma alimentação balanceada e aliada a exercícios físicos
É importante combinar uma alimentação adequada aliada à atividade física. Faça, pelo menos, 30 minutos de caminhada por dia para começar. Caso escolha ir para a academia procure ajuda de um profissional para orientação da melhor atividade para o seu corpo. Se você é iniciante ou ficou um tempo sem treinar, não tente recuperar o tempo perdido em alguns dias. Comece a se exercitar devagar e vá aumentando o tempo de exercício e a carga aos poucos. Procure adaptar seu corpo à atividade. “Investir na alimentação e exercícios físicos significa menos peso, menos estresse e mais disposição para garantir o corpo e saúde em dia”, afirma o nutrólogo Leandro Gago.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.