Abaixo o sedentarismo, mexa-se se quiser ter vida longa!

Redação

atividade-fisica-combate-sedentarismo

Hoje é o Dia Nacional do Combate ao Sedentarismo (10 de março). E você já levantou o bumbum do sofá pra ir dar uma voltinha, caminhar na praça ou na praia, subir as escadas do seu prédio, pedalar por aí ou mesmo dar um pulo na academia em pleno sábado? Pois é bom lembrar que o sedentarismo é quarto maior fator de risco de mortalidade global no mundo e favorece o surgimento e o agravamento de uma série de doenças, como as do coração, o diabetes e o câncer, alerta a OMS (Organização Mundial da Saúde). No Brasil, é o principal responsável pelo crescente índice de obesidade – de acordo com dados da OMS, o sobrepeso em adultos no país aumentou de 51,1% em 2010 para 54,1% em 2014. Os efeitos benéficos são observados em pessoas que se exercitam com regularidade.
Especialistas afirmam que a atividade física melhora a sensação de bem-estar, melhora do humor, diminui a ansiedade e a probabilidade de depressão, por liberar serotonina, hormônio conhecido como a “molécula da felicidade”. Outros benefícios são enrijecimento dos músculos, melhora da imunidade e retardo do envelhecimento. Isso sem falar na  diminuição do apetite e no emagrecimento. Aqueles com índice de massa corporal (IMC) entre 25 e 30 (sobrepeso) que se exercitam regularmente, podem ter um risco menor de desenvolver diabetes e outras doenças metabólicas do que os sedentários.

Deixar os hábitos sedentários para trás é um excelente plano, mas alguns cuidados são necessários nesse início. Para dar  uma forcinha,  o Gympass desafia 1 milhão de pessoas a encontrar prazer em uma nova atividade física, disponibilizando uma diária avulsa de até 50 reais para fazer uma aula grátis em uma das mais de 16 mil academias e estúdios parceiros em todo o Brasil durante o mês de março. Ao oferecer mais de 600 opções de modalidades, o Gympass acredita que pessoas de diferentes idades, localidades e perfis possam encontrar uma atividade para amar.

Atividade deve ser prazerosa e motivadora

A campanha Desafio Gympass traz à tona um tema que merece constante atenção – o impacto da inatividade no organismo piora a qualidade de vida. Para vencer a barreira do sedentarismo e buscar uma vida mais saudável, nada como encontrar uma modalidade esportiva prazerosa e motivadora. O desafio faz parte de uma campanha em combate ao sedentarismo e tem como proposta encorajar pessoas a praticar alguma atividade física. Encoraja, ainda, que os usuários incentivem amigos, movimentando uma grande rede de pessoas a se exercitarem.

“É comum sentir-se inibido em um ambiente que não se parece com o nosso. Nós do Gympass também gostamos de maratonar séries e sentar numa mesa cheia de amigos por horas, e queremos que o Desafio Gympass ecoe esse mesmo sentimento de prazer. Queremos, principalmente, que as pessoas se sintam bem-vindas e percebam que a prática da atividade física pode e deve ser inclusiva e prazerosa”, aponta o manifesto da campanha. No site promo.gympass.com/desafiogympass é possível escolher uma aula grátis e encontrar uma atividade para amar. Para ajudar a melhor a qualidade de vida das pessoas, a Care Plus preparou algumas dicas:

1. Encontre seu ritmo

  • A prática de exercícios, de intensidade moderada, durante meia hora por dia é suficiente para deixar de ser sedentário. Esses 30 minutos podem ser contínuos ou divididos em três períodos de 10 minutos cada.
  • Um minuto de atividade física intensa é igual a 2 minutos de atividade moderada.
  • De acordo com o United States Departament of Health and Human Services, é importante que os adultos pratiquem duas horas de musculação, por semana, além dos 30 minutos de caminhada por dia.
  • Para crianças e adolescentes o ideal são 60 minutos de atividade aeróbica por dia (recreativa), três vezes por semana e de grande intensidade.
  • Grau de atividade:
  • Moderada: caminhada em ritmo acelerado, hidroginástica, passeio de bicicleta e jogo de tênis em dupla.
  • Intensa: corrida, natação, basquete e ciclismo.

2. Tenha paciência e seja persistente

O mais importante é praticar uma atividade que se adapte ao estilo de vida e seja agradável para si mesmo. Caso contrário, são muitas as chances de interrupções.

3. Seja mais ativo no dia a dia

Pequenas mudanças de comportamento no dia a dia, como subir escadas, descer do ônibus um ponto antes e caminhar até o trabalho, passear com cachorro e lavar o carro, podem ajudar a se movimentar mais e servir como um estímulo para o início de uma atividade física diária.

Veja ainda 5 dicas para vencer o sedentarismo

Fonte: Gympass e  Care Plus, com Redação

 

In the news
Leia Mais