Aulas de yoga e funcional de graça em plataforma flutuante

Agenda Positiva da semana traz ainda um simpósio gratuito para tratar da infertilidade masculina e bate-papo online sobre riscos da poluição para crianças e adolescentes

platafaforma flutuante

Imagine malhar pesado ou simplesmente relaxar numa aula de yoga sobre as águas da Baía de Guanabara, com uma vista dessas aí das fotos? Pois é o que a do bem™ Casa no Mar preparou para o público apaixonado pela prática de atividades físicas neste fim de semana no Rio.

A proposta da marca de sucos do bem™ é oferecer uma experiência única de se exercitar em uma plataforma flutuante, de frente para a animada Mureta da Urca, onde hordas de contempladores da natureza se reúnem nos finais de semana.

A programação vai das 8h às 20h neste sábado e domingo (dias 10 e 112), com aulas a cada uma hora para até 60 alunos. O evento totaliza 18 aulas de yoga com a professora Beth Pedote e seis treinos funcionais com o time Pura Vida Training.

As atividades acontecem no Flutuante Argonauta e o objetivo é oferecer um ambiente de bem-estar, onde o público possa fugir da mesmice com uma atividade saudável e exclusiva. Basta escolher o dia e horário e reservar sua vaga pelo [email protected]. ViDA & & Ação vai lá conferir!!!

Infertilidade masculina em pauta

Vida – Centro de Fertilidade promove neste sábado (10) o IX Simpósio Vida sobre infertilidade masculina. O evento é gratuito e acontece das 8h30 às 12h, no Hotel Windsor Marapendi, na Barra da Tijuca (Av. Lucio Costa 5400).

Paulo Gallo, especialista em reprodução humana, junto com os urologistas Igor Dutra, André Cavalcanti e Antônio Tavares são os responsáveis pelo conteúdo abordado. Inscrições pelo site www.vidafertil.com.br ou pelo telefone: (21) 2493-0758.

Papo Cabeça reúne psicólogos em Niterói

papo cabeça

Nesta sexta-feira, dia 9, às 17 horas, acontece no auditório Darcy Ribeiro, na Secretaria Municipal de Educação de Niterói, mais uma Roda de Conversa Papo Cabeçaum encontro dos renomados psicólogos que debate temas como bullying, traição, bulimia, inclusão social, conflitos na adolescência. Desta vez, quem participa é a psicóloga Adriana Santiago, diretora do Núcleo de Aplicação e Pesquisa da Psicologia Positiva (Nuapp) no Rio de Janeiro.
Psicoterapeuta com 25 anos de prática clínica e  especialista em Neurociências e Terapia Cognitivo Comportamental e Transtornos alimentares pela UFRJ e Psicologia Positiva (Cpaf), ela é mestranda em Psicologia Clínica na Universidade Europeia do Atlântico e professora especialista em Terapia de Esquemas e Psicologia Positiva.
Adriana é coach empresarial com vasta experiência em potencialização organizacional e coautora de diversos capítulos de livros que se referem ao bem-estar subjetivo, além de colunista e diretora  da Revista Papo Cabeça. A apresentação é do jornalista Rodrigo Campos, editor da revista. A entrada é um quilo de alimento não perecível. Inscrições: (21) 97938-9815 ou [email protected]

Audiência para calcular reajuste anual dos planos de saúde

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) realiza na terça-feira (13) audiência pública para discutir a proposta de nova metodologia para o cálculo de reajuste anual dos planos de saúde individuais e familiares.

A atividade ocorrerá das 8h30 às 17h30, no auditório da Secretaria de Fazenda e Planejamento do Rio de Janeiro, localizado na Avenida Presidente Vargas 670 – Centro. A atividade também será transmitida ao vivo pelo Periscope (@ans_reguladora).

NA INTERNET

Os riscos da poluição para crianças e adolescentes

poluição-crianças

Crianças e adolescentes são especialmente vulneráveis à poluição do ar. Segundo o levantamento divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em outubro, pelo menos 633 crianças menores de 5 anos morreram por ano no Brasil vítimas de complicações relacionadas à poluição. Pensando nessa urgência e nos impactos causados nas crianças, o programa Prioridade Absoluta, do Instituto Alana, realiza o bate-papo online “Expresso 227: Poluição do Ar e Infância”, no dia 13 de novembro, às 19h, com transmissão ao vivo no canal do YouTube, do Instituto Alana.

No Brasil, a cada 100 mil pessoas de até cinco anos, 41 morrem em decorrência de alguma modalidade de poluição. De acordo com o estudo Ar limpo – um direito fundamental de todas de todas as crianças para um futuro saudável, desenvolvido no Laboratório de Poluição Atmosférica Experimental da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, dentre as evidências científicas dos efeitos da exposição pré-natal na saúde da criança está a mortalidade neo e pós-neonatal e o nascimento prematuro. Os efeitos da exposição pós-natal incluem os problemas respiratórios, neurocomportamentais e endócrinos.

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) alerta que a mortalidade de crianças de menos de cinco anos pode aumentar 50% até 2050, como resultado da poluição do ar. Para Thaís Dantas, advogada do programa Prioridade Absoluta, “combater a poluição do ar é urgente, estamos falando sobre impactos graves na saúde de crianças e adolescentes, que vão desde problemas respiratórios, transtornos cognitivos e até morte”.

Além de Thais Dantas, participam da conversa ao vivo no dia 13: Carmem Araújo, consultora do ICCT- International Council on Clean Transportation; Evangelina Vormittag, diretora do Instituto Saúde e Sustentabilidade; Mariana Veras, coordenadora do Laboratório de Poluição Atmosférica Experimental da Faculdade de Medicina da USP.

Da Redação, com assessorias

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

In the news
Leia Mais