Boas Ações: Rio ganha trilha ecológica para deficientes visuais

Veja ainda: quilombo urbano participa de circuito gastronômico; empresa cria horta orgânica na Baixada; Centro tem aulão de inclusão digital; shopping coleta óleo usado e campanha diverte crianças do Morro da Providência

Redação
trilha para cegos Estagiário Vitor Bandeira participa da simulação do percurso da trilha, com venda nos olhos (Foto: Divulgação)

trilha para cegos
Estagiário Vitor Bandeira participa da simulação do percurso da trilha, com venda nos olhos (Foto: Divulgação)

Considerado uma das maiores florestas urbanas do mundo, o Parque Estadual da Pedra Branca, na Zona Oeste no Rio de Janeiro, recebeu nesta quinta-feira (31) uma trilha ecológica sensorial para deficientes visuais. A iniciativa foi criada por 17 empregados de Furnas, membros da equipe “Minhocas da Terra”, uma das participantes da Gincana Energia Voluntária, projeto de voluntariado da empresa criado há três anos.  No dia da inauguração da trilha, um grupo de deficientes visuais assistidos pelo Instituto Benjamin Constant  pôde conhecer o percurso e as atividades propostas.

 “A ideia é fazer com que o deficiente visual explore a trilha por meio dos sentidos táteis, auditivos e olfativos, com espécies típicas da Mata Atlântica, vegetação da qual faz parte o Parque Estadual da Pedra Branca”, ressalta o biólogo Geraldo Espínola, sobre a percepção e sensibilidade envolvidas neste trabalho voluntário. .

O caminho fica em trecho demarcado por estacas de madeira, aproximadamente na altura da cintura, por onde passam cordas, para dar o suporte necessário aos visitantes durante o trajeto. Os participantes também encontram placas em Braille, áudios gravados exclusivamente para a trilha, com informações, por exemplo, sobre a história do Parque e as espécies da fauna e da flora existentes no local.

“Os visitantes podem interagir, ainda, com animais empalhados, típicos da Mata Atlântica, entre eles o tamanduá-mirim, a preguiça e o teiú, que é um tipo de lagarto de cerca de 1,5m. Os bichos ficam expostos para estimular a integração do grupo”, conta a técnica Daniela Figueiredo.

O estagiário Vitor Bandeira também faz parte do time de voluntários e se surpreendeu com o desafio de percorrer o trajeto com uma venda nos olhos. “A iniciativa mostra como o deficiente visual aguça outros sentidos, como o olfato e o tato, para tentar suprir alguma perda parcial ou total da visão”, relata.

Com o lançamento da trilha sensorial ecológica, o objetivo da equipe de educação ambiental do Parque Estadual da Pedra Branca é realizar agendamentos permanentes para visitas de deficientes visuais de outras instituições ou grupos que desejam participar das atividades. O telefone de contato é o (21) 3347-1786.

Quilombolas participam de circuito gastronômico

Escola comunitária do Cafundá Astrogilda, em Vargem Grande, um dos quatro quilombos urbanos da cidade do Rio (Foto: Divulgação)

Muitos cariocas não sabem, mas em Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio, funciona um dos quatro quilombos urbanos da cidade. No próximo fim de semana (dias 10 e 11), os quilombolas do Quilombo Cafundá Astrogilda farão apresentações de capoeira e danças regionais e vão mostrar seu artesanato na quarta edição do Circuito de Arte e Gastronomia das Vargens.

Junto com a comunidade quilombola Camorim, a Cafundá Astrogilda, em Vargem Grande, fica dentro do Parque Estadual da Pedra Branca e foi reconhecida apenas no ano passado pela Fundação Cultural Palmares. As outras duas comunidades quilombolas urbanas do Rio estão na Pedra do Sal e na Sacopã.

Neta de Astrogilda, que dá nome ao quilombo, a artesã Maria Lúcia Mesquita Martins criou a escola comunitária que funciona no quilombo há menos de seis meses. A filha de Maria Lúcia, Gizele Martins, é a dona e chef de mão cheia que toca ali ao lado o badalado bar To na Boa, que também participa do Circuito. O risoto de camarão com catupiry é o prato que Gizele vai apresentar no evento.

Com objetivo de fomentar a cultura local, o evento conta com a participação de 24 ateliês e 10 restaurantes.  Das 10 às 18h, os ateliês estarão de portas abertas mostrando a produção de cada artista participante do circuito: pinturas, esculturas, cerâmicas, instalações, vidros, madeiras, terrários, material reciclado, móveis, luminárias, joias, mosaicos, bioconstrução, entre outros. Já os chefs de cada restaurante apresentarão, dentro do cardápio da casa, um prato especial para o circuito.

Outros atrativos culturais da região são a Feira da Roça, que fará uma apresentação de Dança de Coco, e o Museu Casa do Pontal, com visitas teatralizadas. Haverá ainda duas oficinas gratuitas sobre a técnica de flame working e a utilização de materiais de reuso para luminárias. Tudo isso ofertado aos pés do Maciço da Pedra Branca, área de proteção ambiental, onde se localizam os bairros de Vargem Grande e Vargem Pequena, que se destacam pela vocação natural para o turismo.

Com o evento, o visitante tem a oportunidade de apreciar o cenário bucólico da região, interagir diretamente com os artistas, conhecendo o processo de criação de cada um, e também experimentar receitas da culinária brasileira, da cozinha internacional, regional, italiana, além de frutos do mar etc.

Empresa investe em horta orgânica na Baixada

Frescatto Company  proprietária das marcas Frescatto Buona Pesca – acaba de lançar a primeira horta orgânica cultivada e voltada para os funcionários da companhia. O  projeto ocupa um total de quase 90 canteiros no formato pallet – estruturas de madeira utilizadas para a armazenagem de terra – em um terreno de 450m² ao lado do Parque Industrial da Frescatto, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Em aproximadamente 40 a 60 dias, os colaboradores vão poder colher e levar para casa a primeira colheita. Além disso, as hortaliças cultivadas serão servidas durante o almoço no refeitório da empresa. Para adubar a horta, a Frescatto passou a adquirir adubo das fazendas da região, colaborando assim para o manejo sustentável da terra.

Há poucas semanas, o primeiro grupo de funcionários que ficará responsável pela horta plantou diversas hortaliças, entre legumes e verduras, além de algumas espécies de frutas. Os canteiros receberam mudas de alface, agrião, salsa, repolho roxo, couve-flor, cenoura, pimentão, batata, melancia, melão, abacaxi, entre outros.

Coleta de óleo usado em shopping de São Gonçalo

O Shopping Pátio Alcântara, em São Gonçalo, lançou a coleta de óleo de cozinha usado. O cliente que levar uma garrafa PET de dois litros cheia recebe em troca uma garrafa de detergente de 500ml. Além disso, recolhe pilhas, baterias e celulares com defeito, e lâmpadas.

Para fazer a coleta e troca de óleo de cozinha usado por um detergente, basta seguir as seguintes instruções: após a fritura, espere o óleo esfriar e em seguida coloque em uma garrafa PET de dois litros e tampe bem. Assim que a garrafa estiver completamente cheia, leve-a até a administração do Pátio Alcântara, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, e troque por uma garrafa de detergente de 500ml.

As pilhas, baterias e celulares sem uso, devem ser depositados na caixa de coleta no piso térreo. Já as lâmpadas, devem ser entregues na Administração do shopping, de segunda a sexta, das 9h às 18h.

As outras ações do projeto Pátio Alcântara Socioambiental são iluminação dos corredores com lâmpadas de Led, envio de bitucas de cigarro para reciclagem, descargas de duplo acionamento para economia de água, mictórios ecológicos sem utilização de água e secadores de mãos sem utilização de papel.

Inclusão digital: jovens terão aulão gratuito

A organização social Recode realizará na sexta-feira (9), em sua sede no Centro do Rio (Rua dos Inválidos, 212/10º andar), uma aula introdutória aberta ao público do curso on-line gratuito “Introdução ao Mundo Digital” a jovens, entre 14 a 29 anos. As inscrições para o Aulão Recode são gratuitas e abertas ao público, assim como o curso on-line.

Neste aulão, os jovens terão a oportunidade de aprender mais recursos para uso dos programas Word, Excel e Power Point, além de internet, redes sociais e outras tecnologias do futuro. Após a aula, os jovens poderão concluir sua formação on-line se inscrevendo no Movimento Recode, voltado a estimular o uso ético, consciente e cidadão da tecnologia para empoderar indivíduos para reprogramar realidades.

Fundada pelo empreendedor social Rodrigo Baggio, a Recode é uma organização social que promove o empoderamento digital de jovens a partir da mobilização de uma rede de instituições. Com 23 anos de atuação, está presente em 7 países com 600 centros de empoderamento digital e já alcançou mais de 1,7 milhão de pessoas. Mais informações: http://recode.org.br/movimentorecode.

Campanha leva diversão crianças da Providência

supergasbras

Supergasbras – empresa do Grupo SHV Energy que atua na distribuição de Gás LP – comemora o sucesso da quinta edição de sua campanha Criança Super Feliz, realizadaem todo o Brasil durante o mês de outubro. No Rio de Janeiro, a ação aconteceu na sexta-feira (26) com festa para cerca de 300 crianças no Morro da Providência, na região central do Rio.

Para celebrar o mês das crianças, elas receberam a visita de super-heróis e personagens como a Peppa Pig, além de um body jump montado no teleférico, com vista para a Baía de Guanabara. . A iniciativa faz parte do Programa Nacional de Voluntariado (PNV) da Supergasbras.

PELO PAÍS

Óticas oferecem óculos novos para Papais Noéis

papai noel sem óculos

Já imaginou se os Papais Noéis não conseguissem ler as cartinhas das crianças durante o Natal? Pensando nisso, a Óticas Carol – rede com mais de 1.150 lojas – apresenta a ação “Os Novos Óculos do Papai Noel”, que presenteará papais noéis profissionais espalhados pelo Brasil com novos óculos.

O projeto tem assinatura Artplan. Seu start é um filme divulgado nas redes sociais da rede, contando a história real de Nardo da Silva Oliveira, 69 anos, Papai Noel há 10 anos e que, em razão do aumento do grau de seus óculos e do custo para novas lentes, não consegue mais ler os pedidos das crianças.

A partir do filme de lançamento, a Óticas Carol convida Papais Noéis de todo país a cadastrarem-se pelo site www.osnovosoculosdopapainoel.com.br, até o dia 7 de novembro, contando sobre suas experiências como Papais Noéis profissionais e anexando uma foto caracterizados. Os 250 primeiros cadastros completos ganharão um óculos composto de armação Ray-Ban e lentes do Laboratório Digital Carol, considerado o mais moderno da América Latina.

Os vencedores serão levados até uma unidade da Óticas Carol para entregar a receita oftalmológica válida e fazer a medição das lentes. Depois de prontos, os óculos, personalizados com as iniciais do Papai Noel escolhido, serão enviados à casa do vencedor a tempo de atender aos pedidos das crianças nesse final de ano. Toda ação será documentada e compartilhada nos canais digitais da marca.

Operação Sorriso receberá doação da Cesta Nobre

cesta nobre

A Operação Sorriso (OS), uma das maiores organizações médicas voluntárias do mundo, foi escolhida para receber uma doação anual da Cesta Nobre, empresa especializada na venda de cestas básicas, de Natal, higiene e limpeza. Em dezembro, a ONG receberá uma quantia relativa a parte do valor obtido com a venda das cestas de Natal, que começaram em setembro.

Empresas e pessoas físicas interessadas têm até o final do mês de dezembro ou até acabar o estoque, para adquirir as cestas de natal e contribuir com a ação O Poder do Sorriso. Mais informações sobre como comprar, no site da Cesta Nobre.

Teleton 2018 vai até dia 12 de novembro

Vem aí o Teleton 2018. O projeto do SBT chega à sua 21ª edição em prol dos pacientes da AACD. Desta vez, a ação vai além da maratona solidária, que dura mais de 24 horas, e se tornou uma campanha que vai até 12 de novembro. Ao longo desse período, é possível doar para a causa da AACD por meio de diversas plataformas. Com a meta de R$ 30 milhões, o valor arrecadado será usado para manutenção das nove unidades, cinco oficinas ortopédicas e do Hospital Ortopédico AACD. 

Outra novidade é que além dos telefones e do site, será possível fazer a contribuição tanto pelos usuários de telefones pré-pagos como de pós-pagos, e, também por meio da fatura de TV por assinatura – uma parceria com a NET –, SMS, Messenger do Facebook, Whatsapp e, antecipando a tendência dos novos meios de pagamento, por QR Code e Pic Pay.

A música tema do deste ano é “Eu Quero Apenas”, do Rei Roberto Carlos. A partir de sexta-feira (9),  o Teleton 2018 no SBT recebe uma série de artistas, jornalistas e influenciadores.  Com o tema “Vamos juntos fazer um Teleton Extraordinário”, a programação, que vai até a noite do sábado (10), reunirá Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Michel Teló, Naiara Azevedo, Ludmilla, Ronnie Von e muitos outros representantes de sete parceiros solidários: TV Globo, Rede Record, TV Cultura, RedeTV, Band, TV Gazeta e Nickelodeon.

COMO DOAR – Por telefone fixo ou pós-pago: 0500 12345 05 para doar R$ 5; 0500 12345 20 para doar R$ 20 e 0500 12345 40 para doar R$ 40. O custo da ligação é de R$ 0,39 por minuto, chamadas terminais fixos + impostos ou de R$ 0,71 por minuto, chamadas terminais móveis + impostos. Por telefone fixo e pré-pago: 0800 770 1231 para doar qualquer valor. Por SMS: Envie uma mensagem de texto para 28127 com a letra T. Por Whatsapp: É só salvar o número (11) 99539-8118 nos contatos do telefone, enviar uma mensagem com a letra “T” e seguir as instruções. Pelo site e Mobile: www.teleton.org.br

Com informações das assessorias de imprensa

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.