Com 4 milhões de pessoas com deficiência, Rio recebe Cidade PcD

Dia Internacional da Pessoa com Deficiência (3 de dezembro) conta com uma série de atividades durante toda a semana. Feira traz ainda novidades em tecnologia assistiva para melhorar a vida desses cidadãos

Redação
Feira no SulAmérica apresenta novidades para facilitar a locomoção de pessoas com deficiência (Foto: Divulgação)

Cerca de 24% da população brasileira têm algum tipo de deficiência, o equivalente a 45 milhões de pessoas, segundo dados do último Censo do IBGE, de 2010. Somente no Estado do Rio são 4 milhões, entre os quase 17 milhões de habitantes. Para atender a esta importante parcela da população, o Rio recebe a segunda edição do maior evento de inclusão, acessibilidade, orientação e mobilidade para a Pessoa com Deficiência (PcD).

Será uma semana de atrações (de 3 a 9 de dezembro) e as ruas do Rio vão se tornar um grande palco a céu aberto para diversas atividades durante o  Cidade PcD. Tem flash mob com cadeirantes no Largo da Carioca, praia acessível em Copacabana e na Barra da Tijuca, além de apresentações de dança de salão e muito samba nas estações do Metrô Rio. Prédios e monumentos históricos, como o Maracanã, Sambódromo, Pão de Açúcar e a Ponte Rio-Niterói, serão iluminados de azul, em homenagem à pessoa com deficiência.

Para dar início à semana de comemorações, nesta segunda-feira (3), Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, às 18h30, acontecerá aos pés do Cristo Redentor, que também será iluminado de azul, a cerimônia de abertura oficial do evento, com entrega de medalhas a pessoas comprometidas com causas da PcD e autoridades políticas.

Já no dia 7, a partir das 10h, o destino será o Centro de Convenções SulAmérica que, até o dia 9, será o ponto de encontro para quem busca tudo sobre o universo da PcD. Com acesso gratuito, o evento vai reunir novidades em tecnologia assistiva, palestras com especialistas, terapias, esportes adaptados e um balcão de empregos com mais de mil vagas direcionadas à PcD e muito mais. Em 2017 o evento recebeu 11 mil pessoas. Este ano a expectativa é de 15 mil visitantes.

Novidades tecnológicas e serviços

O setor faz circular por ano R$ 700 milhões nos municípios fluminenses, com o estado sendo o segundo maior mercado do segmento no país. De olho neste mercado, empresas fornecedoras de produtos e serviços vão apresentar atividades e novidades em tecnologia assistiva durante o II Cidade PcD.

Uma das novidades deste ano é o OrCan MyEye, tecnologia israelense que oferece independência às pessoas com deficiência visual, déficit de leitura, dislexia e Síndrome de Down. A partir de gestos com a mão o aparelho faz a leitura de textos e imagens.

Haverá ainda uma casa modelo adaptada para pessoas com deficiência montada no interior da feira. Isso mesmo, uma casa com medidas apropriadas, rampas, piso tátil e legendas. Venda de cadeiras de rodas, demonstração de próteses e órteses e produtos de tecnologia assistiva em geral acontecem durante o evento. Haverá ainda demonstrações de tratamentos como a Equoterapia (com cavalos da Polícia Militar) e a Cinoterapia (com cães da Guarda Municipal do Rio).

Carros adaptados estarão disponíveis para testes, com consultores do Detran-RJ, da Subsecretaria da Pessoa com Deficiência (Subpd) e especialistas na Lei Brasileira de Inclusão (LBI). Eles vão esclarecer dúvidas e explicando detalhes sobre a isenção de impostos para a compra de veículos e retirada da Carteira de Habilitação especial. As finais do campeonato estadual de basquete adaptado também recheia o calendário da feira.

Profissionais da saúde, educação, tecnologia e jurídico, entre outros setores, vão prestar as mais diversas orientações, como a retirada de documentos e passe especial, oferecendo ainda oficinas como as de dança de salão e pintura com a boca.

A importância de um evento como este vai além de atender as necessidades específicas das pessoas com deficiência, já que são direitos garantidos por lei. Pensar num mundo mais inclusivo e acessível, deve ser do interesse de todos. Pessoas com mobilidade reduzida, por exemplo, se beneficiariam se nossa cidade fosse mais acessível, como gestantes, pessoas com criança de colo ou carrinho de bebê e idosos”, diz Denis Deli, um dos coordenadores do evento.

A feira vai contar com uma estrutura de acesso guiado pelas ruas no entorno do Centro de Convenções e no interior, banheiros adaptados e ambiente climatizado foram cuidadosamente preparados para o maior conforto de todos, além de ampla praça de alimentação. O evento é promovido pela revista Universo PCD com patrocínio do Sesc/Senac.

Campanha mostra direitos dos cidadãos PCDs

campanha pcd

O Dia Internacional da Pessoa com Deficiência consta do calendário oficial da Organização das Nações Unidas (ONU) desde 1992. Este ano, com o apoio da Academia Brasileira de Neurologia e do Departamento Científico de Reabilitação Neurológica, haverá ainda uma campanha em defesa dos direitos civis e de saúde dos portadores de deficiência.

A meta é incentivar a busca e empoderamento como cidadão, conforme afirma a secretária do Departamento,  Luciana de Oliveira Neves. A campanha tem o apoio da deputada Mara Gabrilli, uma das personalidades mais comprometidas com a causa no Brasil e no mundo.

Ela é inspiração para aqueles que convivem com a deficiência e que enfrentam todos os dias dificuldades de se locomover, para estudar, trabalhar e outras tantas”, afirma Dra Luciana.

A ideia da campanha é reafirmar para os portadores que, a partir do conhecimento de seus direitos básicos e de uma atitude de cobrança dos mesmos, é possível transformar a vida para melhor. Visa também estimular os cuidadores, familiares e amigos na disseminação de informações sobre as leis capazes de garantir maior conforto e qualidade à vida do paciente.

“É de suma relevância levar ao público o conhecimento desses direitos, pois até por falta de políticas públicas as informações ainda não chegam a parcela significativa da sociedade”, destaca a especialista.

O slogan da campanha de 2018 é “A cada dia uma conquista. Saiba os seus direitos”. “Temos de levar esperança aos pacientes, dessa forma, consequentemente estaremos ajudando-os e conscientizando-os sobre a importância de sensibilizar a classe política a fazer sua parte”, ressalta a médica. Ainda segundo ela, este ano está sendo feita uma ponte para a campanha de 2019, que tratará das habilidades dos portadores de deficiência.

SERVIÇO

Evento: Sesc Senac apresentam Cidade PCD

Data: Dias 7, 8 e 9 de dezembro de 2018, das 10h às 19h

Local: Centro de Convenções SulAmérica – Avenida Paulo de Frontin 1, Cidade Nova, Rio de Janeiro

Entrada franca

Com Assessorias*

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.