Dia do Desafio: você já andou de trás para frente?

O exercício, chamado neuróbico, ajuda a ativar o cérebro. Confira as dicas para praticar em casa neste Challenge Day. Veja ainda a agenda de atividades no Rio e Macaé

Redação
cerebro-mente-corpo2

Você já pensou em andar de trás para frente ou trocar o lado do mouse na hora de digitar? Pois saiba que pequenos exercícios como estes, chamados de neuróbicos, ajudam a ativar o cérebro, tornando-o mais ágil. Afinal, não é somente o corpo que precisa de ginástica, concorda?

De acordo com a neurociência, os exercícios para o cérebro fortalecem as conexões entre os neurônios, deixando o cérebro mais ágil para enfrentar os desafios do dia a dia e trazendo bons resultados nos principais âmbitos da vida; profissional, social e emocional. E isso é possível em todas as idades!

Para motivar a população sobre os benefícos das atividades físicas, como uma forma de garantir a saúde da mente e do corpo, o Dia do Desafio é comemorado em todo o mundo, na última quarta-feira do mês de maio. E para fazer diferente nesse dia 29 de maio, que tal desafiar o cérebro?

A ginástica para o cérebro é uma prática que estimula os neurônios, potencializando habilidades como a memória de trabalho, autocontrole, criatividade e o raciocínio lógico; essenciais para garantir performance e qualidade de vida.

Para desafiar nosso cérebro, é importante realizar atividades que usem os princípios da novidade, variedade e do desafio crescente. A partir do momento que executamos ações diferentes das que já estamos acostumados, saímos da zona de conforto e garantimos o bom funcionamento do cérebro.

“Graças à neuroplasticidade – capacidade que o cérebro tem de se modificar e criar novas conexões neurais -, podemos manter e melhorar as funções do cérebro, sem os efeitos colaterais dos remédios”, explica Solange Jacob, diretora acadêmica do Método Supera, rede de escolas especializada em ginástica para o cérebro no Brasil.

Como desafiar o cérebro em casa?

Aulas de ginástica para o cérebro envolvem pessoas de todas as idades (Foto: Divulgação/Supera)

Uma forma de praticar ginástica cerebral nesse Dia do Desafio é com a prática das neuróbicas.  Este exercício de aeróbica para os neurônios visa tornar o cérebro mais ágil e flexível, levando o cérebro a buscar novas possibilidades e caminhos para a realização das ações cotidianas. Ou seja: atividades que fazem com que o cérebro saia do piloto automático.

As neuróbicas estimulam padrões de atividade neurais que criam conexões entre as diferentes áreas do cérebro e fazem com que as células nervosas produzam nutrientes naturais do cérebro, as neurotrofinas, que podem aumentar de maneira considerável o tamanho das dendrites das células nervosas”, diz Solange.

Alguns exemplos são: escovar os dentes com a mão não dominante, fazer um trajeto diferente para o trabalho, tentar identificar os temperos de uma comida, ler um livro em voz alta e fazer um resumo, contar os degraus da escada…

Existem várias formas de manter uma vida saudável; segundo Solange Jacob, para ter qualidade de vida, não se pode deixar o cérebro nem o corpo de lado. É preciso praticar atividades físicas regularmente, dormir bem, beber muita água, ter uma alimentação balanceada e não se esquecer do órgão mais importante do nosso corpo.

O Método Supera desafia com alguns exercícios exclusivos de neuróbicas para turbinar esse Challenge Day. Faça diferente: desafie seu cérebro!

 Use o relógio de pulso no braço direito (ou no braço esquerdo, se for canhoto);

 Escove os dentes ou escreva em uma folha de papel com a mão contrária da de costume;

 – Ande pela casa de trás para frente;

 Vista-se de olhos fechados;

 Veja as horas num espelho;

 – Faça um novo caminho para ir ao trabalho;

 – Comece agora trocando o mouse de lado.

– Folheie uma revista e procure uma fotografia que lhe chame a atenção. Agora escreva 25 adjetivos que ache que a descrevem e/ou ao tema fotografado.

 – Selecione uma frase de um livro e tente formar uma frase diferente utilizando as mesmas palavras.

 Faça um quebra-cabeça e tente encaixar as peças corretas o mais rapidamente que conseguir, cronometrando o tempo. Repita a operação e veja se progrediu.

 Experimente memorizar aquilo que precisa comprar no supermercado, em vez de elaborar uma lista.

 – Ao ler uma palavra, pense em outras cinco que comecem com a mesma letra.

SOBRE O DIA DO DESAFIO

Esta é a 25ª edição do Dia do Desafio, campanha mundial de incentivo à prática física e esportiva.  A data foi criada com o objetivo de diminuir o sedentarismo e estimular a prática de atividade física e esporte, por meio de uma competição entre cidades e mobilização dos cidadãos. As atividades são desenvolvidas pelas prefeituras, em parceria com instituições públicas e privadas, com participação de todos os segmentos e setores sociais.
O Challenge Day  é coordenado mundialmente pela Tafisa (The Association for International Sport for All) e, no Brasil, pelo Sesc São Paulo. Em 2018, a campanha registrou o envolvimento de 3.189 cidades em 14 países do Continente Americano, com mais de 37,5 milhões de participantes.
Além da competição, o Dia do Desafio estabelece um termo de união e cooperação entre os municípios. As cidades competem e somam esforços para aumentar o número de praticantes de atividade física. Os resultados obtidos por ambos os municípios são somados, e os totais da parceria podem ser melhorados na edição seguinte, em um movimento de cooperação mútua.

Rio e Macaé aderem ao Dia do Desafio

Dia do Desafio deve reunir 40 mil atletas em Macaé (Foto: Guga Malheiros/ Prefeitura de Macaé)

As cidades do Rio de Janeiro e de Macaé participam nesta quarta-feira, 29 de maio, do Dia do Desafio. No Rio, as atividades serão realizadas pelo Programa Academia Carioca em todas as Áreas. A ação principal acontece no Largo da Carioca, das 9h ao meio-dia, aberta à participação de todos os que desejarem se exercitar.

Já Macaé disputará com a cidade paulista de Avaré quem tem mais pessoas envolvidas na mobilização. O tema desse ano é “Você se mexe e o mundo mexe junto”. O objetivo é colocar 40 mil atletas praticando atividade física neste dia na capital nacional do petróleo. Para tanto, as instituições de ensino municipais, estaduais e particulares estão devidamente mobilizadas.

No Rio, 125 profissionais da Academia Carioca estarão envolvidos na programação, com objetivo de fazer cada pessoa do público se exercitar por pelo menos 10 minutos. Para tanto, serão promovidas atividades coletivas como caminhadas, alongamento, circuito kids, circuito funcional, dança de salão, zumba, capoeira, artes marciais, ginástica laboral, atividades aeróbicas e jogos.

Além do Largo da Carioca, a programação acontecerá na Urca, das 9h às 12h; no estacionamento do supermercado Mundial da Ilha do Governador, da 10h às 12h; no Sesc Ramos, das 8h às 10h; no Engenhão, das 8h às 9h; da Praça do Patriarca para o Sesc de Madureira, das 9h às 11h; no Parque Radical/SESC, das 9h às 12h; na Praça da Comunidade/Campo Via Light, das 8h às 9h; na Praça Guilherme da Silveira, das 9h às 11h; na Quadra de Esportes João Wesley/Ana Gonzaga, das 9h às 12h; na Quadra de Esportes/Largo do Correia (Clube da Michellin), das 9h às 12h: na Praça Sete de Abril (Paciência); das 7h30 às 11h; e na Praia de Sepetiba (em frente à Praça do Coreto), das 7h30 às 10h.

No Centro de Macaé, a Praça Washington Luiz oferecerá diversas atividades físicas durante toda essa quarta-feira, a partir das 6h, em uma ação que conta com a parceria do Sesc. Instituições, empresas e comércio também foram convidados. Haverá ainda participação de todos os polos esportivos do município, incluindo os da região serrana.

Para participar em Macaé, basta que as atividades físicas realizadas sejam registradas das 0h às 21h, nos canais disponibilizados pela Prefeitura de Macaé com as hashtags: #DiaDoDesafio e #DiaDoDesafioMacae. As fotos também podem ser encaminhadas  para o aplicativo WhatsApp, pelo número: (22) 99783-7022.
Da Redação, com assessorias do Método Supera e das Prefeituras de Macaé e Rio

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.