Dia dos Namorados: proteja seu coração e sua identidade, alerta Serasa

Rosayne Macedo

amor-virtual

Se você curte relações virtuais, esse post é para você! Desses de “colar na parede da geladeira”. Recebi a dica do Serasa e reproduzo aqui na íntegra, por julgar tratar-se de tema de interesse público, especialmente nesses tempos de tantos amores virtuais… E não deixe de ler o Jornal O Dia de domingo! Na página de Saúde, vamos falar de um tema que vem crescendo cada vez mais… o medo de se relacionar presencialmente! Envie sua sugestão sobre este e outros temas também para blogvidaeacao@gmail.com

Todos queriam estar por perto do seu crush neste Dia dos Namorados, mas nem todo mundo encontrou seu par ainda. Neste momento, os aplicativos ou sites de relacionamento podem até dar um empurrãozinho, mas é preciso cautela, alerta a Serasa. De acordo com o gerente do Serasa Consumidor, Pedro Nanni, muitos ladrões de identidade se aproveitam deste momento de vulnerabilidade e se disfarçam de golpistas para roubarem dados pessoais das vítimas. Segundo a Experian, geralmente, estes fraudadores têm um perfil que agradam a vítima: são confiantes, estão empregados, parecem ter boa saúde financeira e têm muitas afinidades com o seu alvo.

“O perfil é projetado para parecer perfeito em todos os sentidos para a vítima. Uma vez que o golpista estabeleceu confiança com o alvo, eles revelam um problema de dinheiro”, diz Nanni. Ainda conforme a Experian apurou, muitas pessoas fornecem precocemente muitos dados pessoais que servem de elementos aos fraudadores como, data de nascimento, endereço, telefone e até dados bancários.

Dicas do Serasa Consumidor para que o romance não se torne roubada:

– Não assuma que o pretendente ou aquele crush é 100% sincero.
– Muitos criminosos cibernéticos também criam perfis falsos nas redes sociais e utilizam fotos de homens/mulheres bonitos/as ou mesmo “cantadas” online para serem adicionados. Desconfie.
– Confiança é algo que se conquista. Não forneça informações pessoais até que haja um nível de confiança e familiaridade estabelecidos.
– Procure conhecer bem a pessoa antes de se jogar no relacionamento. Se o primeiro contato foi online, aproveite para fazer uma busca na pessoa. – Assim você pode checar informações conflitantes.
– Em um relacionamento, por mais que se ame a outra pessoa, é preciso manter a sua individualidade. Isso é ainda mais importante para quem está buscando um namorado e acessa sites e aplicativos de relacionamento. Nunca divulgue seus documentos nesses ambientes.
– O seu CPF é o seu maior patrimônio. Não compartilhe nem empreste o seu CPF.
– Além disso, tenha cuidado com qualquer pedido de empréstimos financeiros ou dados pessoais.
– A maior dica para evitar cair em fraudes online é ter uma senha perfeita para cada serviço. Não adianta criar uma senha perfeita, mas usar a mesma para todas as redes sociais, para o e-mail e ainda para o aplicativo de relacionamento. Se a sua senha for roubada, todos os seus acessos ficam vulneráveis!
– Lembre-se sempre, você deve tomar decisões financeiras com a cabeça e não o seu coração.
– Só utilize Wi-Fi confiável ao acessar páginas que dependam de login e senha. Esses dados podem ser capturados facilmente caso o dono da rede disponível seja mal intencionado ou se ela estiver sendo monitorada por criminosos.
– Seja econômico na hora de preencher informações de perfil, que ficarão expostas a qualquer usuário da rede: nome completo, apelidos, nomes dos pais, dos filhos, local de trabalho, data de nascimento, telefone de contato e números de documentos não são necessários.
– Mantenha o acesso aos dados mais particulares, como fotos, curtidas e comentários, apenas para pessoas de sua confiança.
– Mesmo restringindo o acesso aos amigos, seja comedido no número de informações disponibilizadas: lembre-se que o amigo pode compartilhar esses dados com terceiros.
– Submeta as postagens de seus amigos em sua linha do tempo no Facebook a seu crivo (análise de marcações). Isso evita que, mesmo sem intenção, eles exponham alguma informação confidencial que poderá ser utilizada por criminosos.
– Informações sobre viagens ou que exibam seu estilo de vida, como compras de bens ou idas a restaurantes caros, são importantes chamarizes para os golpistas cibernéticos. Esses dados podem denotar que você tem uma conta bancária abonada e bom crédito na praça: um prato cheio para os fraudadores de identidade.
– Mantenha o Bluetooth desligado quando estiver sendo utilizado, pois o recurso é outra porta de entrada para que hackers obterem suas informações pessoais.
– Logar sua rede social em aparelhos de pessoas conhecidas também tem seus riscos: o “amigo do amigo” pode ter contato com o mesmo dispositivo, não ser tão confiável e utilizar dados particulares ali expostos para prática de fraude.
– Não deixe sites de bancos ou de compras online abertos nos smartphones ou tablets. O aparelho pode ser roubado, furtado ou mesmo perdido e seus dados estarão disponíveis.
– Ao inserir senhas para acessar seus sites em locais públicos, mesmo utilizando seu próprio dispositivo, verifique se ninguém está observando a ação.
– Mude periodicamente suas senhas de acesso.
– Nunca “empreste” seus dados de login e senha para conhecidos darem “uma olhadinha” em suas páginas.
– Um grande número de amigos/seguidores nas redes sociais é considerado sinônimo de status e popularidade. Mas cuidado: ao adicionar inadvertidamente pessoas que você não conhece ou “conhece de vista” estará correndo sérios riscos de fornecer informações para criminosos, cuja intenção é exclusivamente capturar seus dados para fraudá-lo. Prime pela qualidade e não pela quantidade.
– Links para acessar sites ou convites para baixar arquivos de vídeo e fotos postados em sua timeline ou que chegam via mensagem inbox – também podem ser armadilhas para instalar vírus que roubam dados pessoais para a prática de fraude de identidade. Mesmo que o assunto do link seja atrativo – contendo promoções, ofertas de emprego, manchetes sobre celebridades etc. – evite clicar. Lembre-se que os criminosos são espertos e capricham nas chamadas para tentar convencer o maior número de pessoas a caírem no golpe.

Se proteja

O cidadão deve redobrar os cuidados para não se tornar vítima dos golpistas. O serviço SerasaAntifraude, oferecido pelo Serasa Consumidor, minimiza as chances de fraude de identidade porque monitora e avisa por e-mail e mensagem no celular (SMS) toda vez que o CPF for utilizado para compras, empréstimos ou abertura de empresa. Um alerta também é gerado quando o titular do documento estiver prestes a ser negativado ou ao sair do cadastro de inadimplência. “É a segurança do nome limpo 24 horas porque dá condições de o consumidor agir proativamente, caso seja avisado e não reconheça aquela movimentação”, diz Nanni.

O procedimento para obter o benefício é simples: o profissional acessa a página do Serasa Consumidor por meio do link: www.serasaantifraude.com.br . O monitoramento do CPF é imediatamente ativado. Após algumas horas ele receberá um relatório no qual constará a existência ou não de pendências financeiras registradas na Serasa, mostrando o nome da empresa credora, o tipo da dívida e a data de inclusão ou exclusão da anotação nos bancos de dados; se há empresas abertas por aquele CPF; quais números de telefones fixos foram cadastrados com o documento e quais empresas o consultaram nos últimos quatro meses. Um novo relatório será gerado a cada 15 dias, mesmo que não ocorram novas notificações, garantindo sua tranquilidade.

Fonte: Seraraantifraude.com.br

In the news
Leia Mais