Evento leva Tai Chi Chuan para praça pública

Atividade que pretende incentivar vida mais leve é destaque na Agenda Positiva, que traz também doação de sangue durante o feriadão curso grátis para casais ‘grávidos’

Fim de semana pode ser o momento ideal para praticar atividades saudáveis e refletir sobre o que fazer para melhorar o nosso dia a dia. E a Agenda Positiva traz algumas opções interessantes para quem está nessa sintonia. Quem for à Tijuca, na Zona Norte do Rio, neste sábado, poderá conhecer mais sobre a chamada “meditação em movimento”, durante uma apresentação de Tai Chi Chuan. E até domingo é possível praticar solidariedade participando da campanha de doação de sangue para o Hemorio, que estará com posto de coleta no Shopping Via Brasil. Boa leitura!

Tai Chi Chuan: em busca de uma vida com menos estresse

No último sábado do mês de abril é comemorado o Dia Mundial do Tai Chi Chuan, arte marcial oriunda da China, também conhecida como “uma forma de meditação em movimento”. E para marcar a data os comerciantes do Polo Tijuca, na Zona Norte do Rio,  estão organizando uma série de atividades na Praça Varnhagen, para inspirar a população a ter uma vida mais leve, combatendo o estresse do dia a dia.

Neste sábado, dia 28, a partir das 8h30, haverá apresentações de Tai Chi Chuan e diversos estilos de Kung Fu na praça. O evento é gratuito. O objetivo é estimular as práticas corporais da Medicina Tradicional Chinesa e facilitar o acesso a instrutores da arte marcial. Quem passar pela Praça Varnhagen, poderá completar o “dia zen” experimentando pratos especiais e saudáveis nos restaurantes que ficam no entorno e constituem o Polo Tijuca.

O T Maki Club oferece o Gunka Shake Negui, com quatro unidades, a R$ 18,90; no Buxixo, a pedida é o Flat Bread Toscana, uma massa crocante com molho de tomate, muçarela, presunto parma, muçarela de búfala e rúcula, por R$ 29,90; e coroando, um apetitoso wrap do Vikings, o Kyla – combinação de abobrinha crocante com caponata de berinjela, harmonizada com maionese artesanal de soja, alface americana e folhas de rúcula, que sai por R$ 26. É para deixar a mente e o corpo em paz!

Teatro e psicanálise: leitura e bate-papo sobre peça debatem emoções

A Sociedade Brasileira de Psicanálise do Rio de Janeiro (SBPRJ), em parceria com o Midrash Centro Cultural, promove no dia 3 de maio uma leitura da peça teatral ‘Atrás do Mundo’, de Maria Eduarda de Carvalho e coautoria de Luiza Wine, com participação do elenco. Em seguida será realizado um bate-papo com a autora e o psicanalista José Renato Avzaradel, mediado pela psicanalista Sônia Eva Tucherman. Estarão em pauta os temas abordados no espetáculo: saudade, separação, morte e excesso de medicalização.  Realizado pelo Departamento de Difusão da Formação Psicanalítica da SBPRJ, o evento será realizado no Midrash, no Leblon, a partir das 20h.

Apresentada no Teatro Ipanema entre outubro e dezembro de 2017, ‘Atrás do Mundo’ toca na morte para falar da vida. Através do olhar de duas crianças, a peça trata de temas comuns a qualquer pessoa, como perda, medo e saudade. Uma das personagens é Didia, uma menina de sete anos que perde sua irmã, grande amiga e companheira. Guigo é um menino sozinho e frágil que acaba de vivenciar a separação de seus pais e, na tentativa de amenizar sua solidão, constrói um aparelho para ser capaz de alçar voos e não se sentir mais tão excluído. No desamparo de suas perdas, os dois se encontram e se entendem.

“A peça surgiu da necessidade de transformar meu olhar diante do imponderável da vida. Em um intervalo de um mês, desfrutei a alegria infinita de ver minha filha nascer e sofri a dor mais profunda: a morte de minha irmã e grande cúmplice, Maria Antonia. Para além de todo o sofrimento vivido, uma questão não me saía da cabeça: como tornar Antonia viva para Luiza? Como fazer com que Luiza conhecesse sua tia, mesmo nunca a tendo encontrado? Como tocar na morte para falar da vida e de seus encontros irreversíveis, insubstituíveis e eternos? Nasceu ‘Atrás do Mundo’”, contou Maria Eduarda de Carvalho em entrevista por ocasião da estreia.

A obra tem como objetivo transformar a dor em possibilidades de crescimento através da poesia, ajudar as crianças a elaborar temas delicados e viver com menos medo e mais fantasia, e falar das perdas de forma lúdica, usando o humor como ferramenta de transformação. Didia e Guigo dividem com o público suas experiências sobre como é possível atravessar as adversidades sem perder o interesse pelos encantos da vida.

A leitura completa da peça tem duração em torno de 50 minutos e em seguida será iniciado o debate. O espetáculo não será encenado na ocasião. O ingresso custa R$ 40 e está à venda no site . O Midrash Centro Cultural fica na Rua General Venâncio Flores 184, Leblon, Zona Sul do Rio. Mais informações pelo e-mail secretaria@midrash.org.br.

Curso gratuito esclarece dúvidas sobre tipos de parto

Cesárea, natural, normal, humanizado e fórceps. Os tipos de parto são vários, mas qual a diferença entre cada um? E qual anestesia é usada? Essas e outras dúvidas frequentes entre as futuras mamães serão esclarecidas pelo CHN (Complexo Hospitalar de Niterói) na próxima edição do curso de gestantes, que acontece neste sábado, dia 28, das 8h30 às 12h, no auditório do hospital, na Rua La Salle, 12, 7o andar, Centro de Niterói.

O médico Bruno Dourado fará palestra sobre os tipos de parto, enquanto as explicações sobre anestesia serão apresentadas pelo médico Luciano Gomes. O curso é gratuito e casais também podem participar, mas as vagas são limitadas. Inscrições e informações pelo telefone (21) 2729-1000, ramal 1188 (gerência de enfermagem), das 9h às 16h. É necessário chegar ao evento com 20 minutos de antecedência.

Doação de sangue para o feriadão do trabalho

Em períodos de feriados costumam cair os números de doações de sangue. No Instituto Nacional de Câncer (Inca) é fundamental manter os estoques, uma vez que pacientes em tratamento necessitam receber transfusões. Por isso, o Inca pede que a população compareça para doar antes do feriado.

O Banco de Sangue estará aberto nesta sexta-feira (27), no sábado (28) e na segunda-feira, dia 30 (véspera de feriado). O horário da coleta na sexta e na segunda é de 7h30 às 14h30 e sábado de 8h às 12hO endereço é Praça Cruz Vermelha, 23, 2º andar. Mais informações: (21) 3207-1058.

Já o Via Brasil Shopping, no bairro do Irajá, Zona Norte do Rio, recebe nesta sexta (27) e sábado (28), das 10h às 15h, uma equipe móvel do Hemorio para coletar bolsas de sangue. Pessoas entre 16 e 69 anos, com mais de 50kg e bem de saúde podem participar da ação.

As equipes de coletas externas do Hemorio são compostas por 15 profissionais – médico, enfermeiros, técnicos de enfermagem e pessoal de apoio –, que montam uma sala de doação em espaços previamente aprovados por técnicos do Hemorio. As salas de doação são compostas por seis cadeiras e dois consultórios de triagem, que podem atender até 140 pessoas por coleta.

Para doar, basta apresentar um documento de identidade oficial com foto e não é necessário estar em jejum, apenas evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e não ingerir bebidas alcoólicas 12 horas antes. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais e um documento de identidade original desse responsável. O modelo da autorização pode ser retirado no site do Hemorio (http://www.hemorio.rj.gov.br/Html/PDF/Menor_idade.pdf)

É importante ficar atento ao intervalo mínimo entre as doações: dois meses, sendo no máximo quatro doações por ano para os homens; três meses, sendo no máximo três doações por ano. Para mais informações, o candidato pode ligar gratuitamente para o Disque Sangue (0800 282 0708), que esclarece os pré-requisitos e dúvidas, além de informar o endereço das outras 26 unidades de coleta distribuídos pelo estado. O atendimento pelo telefone funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Neuroarquitetura: como o ambiente pode impactar o nosso cérebro?

“Sabe quando você não se sente bem num lugar, sem entender o motivo? Ou quando você se sente muito confortável e não quer sair de um lugar, de tão aconchegante? Somos influenciados o tempo todo por tudo ao nosso redor. O campo visual emite sinais e mensagens, bem como sensações ao nosso cérebro. Isso impacta no bem-estar, motivação e até na sua qualidade de vida”, destaca a arquiteta e especialista em neuroarquitetura Priscilla Bencke.

Priscilla Bencke explica que é muito simples sentir quando um ambiente lhe agrada ou não. Segundo ela, um ambiente bem pensado pode até mesmo ser responsável por ajudar na motivação, redução do estresse e aumento de produtividade.

Nós somos seres sensoriais. Temos receptores em nosso corpo que interpretam as informações do meio externo e enviam para o cérebro. Consequentemente, isso vai gerar uma emoção, estimulando um determinado comportamento”, explica Priscilla.

A neuroarquitetura, que já é estudada há mais de 10 anos no exterior e tem muitos dos estudos centralizados na Academy of Neuroscience for Architecture (ANFA), consegue, hoje em dia, comprovar o impacto dos ambientes nas pessoas, por meio de pesquisas com equipamentos como a ressonância magnética, que analisa as áreas do cérebro que são ativadas quando enxergamos determinadas imagens.

Nesta quinta-feira (26), ela realiza uma palestra na Casa Viva sobre como um ambiente pode impactar nosso cérebro e, consequentemente, nosso comportamento. Mais informações (21) 96433-6507

Apoio a familiares e cuidadores de pessoas com Alzheimer

“Saúde emocional dos cuidadores e familiares de pessoas com Alzheimer” é o tema do próximo encontro que acontece no Hospital Rios D’Or  (Estrada dos Três Rio, 1366 – Freguesia, Jacarepaguá). O evento, gratuito, está marcado para segunda-feira, dia 30, no auditório da unidade e será mediado pela psicóloga Mariana Guedes. 

Em reuniões mensais gratuitas, especialistas têm desenvolvido um trabalho de apoio e orientações às famílias e cuidadores que lidam com pessoas com o diagnóstico para colaborar com a melhoria da qualidade de vida de pacientes e seus familiares.

Para participar, os interessados devem se inscrever pelo e-mail marketing@riosdor.com.br. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas pelo email marketing@riosdor.com.br.

 

 *Com assessorias

Por Favor, Compartilhe!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

In the news
Leia Mais