Fisioterapia online gratuita já beneficia mais de 70 mil brasileiros

Saiba como procurar ajuda para tratar dores musculoesqueléticas, como hérnia de disco lombar, hérnica de disco cervical, dor ciática, cervicalgia, joelho e quadril e lombalgia

Redação

Diante da incerteza sobre a data de reabertura de clínicas, consultórios e centros médicos, idosos e pessoas com dores crônicas ou em período de pós-operatório sofrem com a ausência do tratamento de fisioterapia nesse período de quarentena. E para ajudar muitos brasileiros a enfrentar essa pandemia, com o mínimo de conforto possível, o Instituto de Tratamento da Coluna Vertebral (ITC) lançou em abril, uma plataforma online que oferece atendimento gratuito de fisioterapia.

O atendimento ajuda a tratar dores musculoesqueléticas, como hérnia de disco lombar, hérnica de disco cervical, dor ciática, cervicalgia, joelho e quadril e lombalgia. A plataforma Scal já é usada em 240 clínicas de fisioterapia espalhadas por mais de 20 estados do Brasil. Ao todo, são cerca de 70 mil pacientes que dependem do tratamento para manter o seu bem-estar que usam e aprovam o atendimento virtual.

É o caso do economista Roberto Cunha, de 73 anos, morador de Salvador (BA), que faz parte do grupo de risco do coronavírus e só conseguiu retomar o tratamento de fisioterapia graças à telefisioterapia do ITC. “Achei a experiência de fazer uma fisioterapia virtual excelente, porque exige um maior comprometimento e participação do paciente. Na verdade, o paciente é chamado a participar por si mesmo, para obter o rendimento esperado. Estou muito satisfeito”, conta.

A experiência online também está sendo muito positiva, e importante, para o bem-estar da advogada Naíla Chaves, de 41 anos, moradora de Fortaleza (CE). “Desde que tive que ficar de quarentena, e precisei parar as sessões de fisioterapia, comecei a sentir muitas dores em casa. Dar continuidade ao tratamento, mesmo que pelas videoconferências, foi muito importante para essa melhora na minha saúde. A iniciativa já fez muita diferença no meu bem-estar e já a considero indispensável durante esse período”, explica.

Como usar a plataforma gratuita

A princípio, estávamos desenvolvendo essa plataforma para o uso interno dos nossos clientes e dos três mil profissionais. Mas, com a chegada do novo coronavírus no Brasil, e a permissão de teleconsultas pelo Conselho Federal de Fisioterapia (Coffito), decidimos acelerar os ajustes e ampliar o serviço, de forma gratuita, para todos os brasileiros que precisam de tratamento. Como profissional de saúde e empreendedor no segmento, me sinto no dever prestar essa assistência à sociedade brasileira durante a pandemia”, explica fisioterapeuta e gestor do ITC, Helder Montenegro.

Usar a plataforma é bem simples. Basta acessar o site (www.sistemascal.com.br), fazer o cadastro e iniciar o agendamento pelo Whatsapp (85) 98595-1553Pela localização (CEP) do paciente, o software agenda a consulta com a clínica ou profissional mais próximo. No dia da consulta, com até 15 minutos de antecedência, o profissional direcionado faz contato com o paciente através de uma sala de videoconferência.

Para utilizar o serviço, basta o usuário possuir um dispositivo com câmera e acesso à internet (tablete, celular, notebook desktop). Caso o paciente não tenha um acompanhante para auxiliar com a câmera, basta posicionar o aparelho em um local com boa iluminação e estabilidade e seguir as orientações do profissional. A plataforma estará disponível, gratuitamente, para todo o Brasil durante todo o período de quarentena.

Inteligência artificial a favor da saúde

A plataforma Scal (www.sistemascal.com.br), utilizada pelo ITCe o Instituto Trata – joelho e quadril – conta com um algoritmo de Inteligência Artificial (IA) para conectar a agenda dos pacientes com a clínica mais próxima da sua localização (CEP). O agendamento inteligente da consulta é feito pelo WhatsApp. Nele, o usuário é direcionado pela secretária virtual “Mari” para o agendamento da sua consulta. Além da marcação, “Mari” também consegue conversar com os usuários sobre os tipos de dor (joelho, quadril ou coluna), remarcar ou cancelar consultar e direcionar o atendimento para uma secretária humana.

O software também controla todos os leads do ITC e trata para saber onde cada paciente está através do mapa fornecido pela plataforma. Também é possível acompanhar online todos os processos de administração, contas a pagar e receber, DRE, relatórios, calculadora para pagamento de funcionários e colaboradores e outros. Também já está sendo desenvolvida uma atualização que permitirá mapear casos de coronavírus pela plataforma de teleconsultas.

Com Assessoria