Hemorio oferece 400 vacinas por dia contra febre amarela

Rosayne Macedo

hemorio

Entre os dias 22 e 27 de janeiro, o Hemorio, no Centro do Rio de Janeiro, volta a ser um posto de vacinação contra a febre amarela. Serão disponibilizadas 400 doses da vacina diariamente. Os voluntários que doarem sangue ou os que forem considerados inaptos após passar por triagem clínica, poderão receber a dose. A decisão da Secretaria Estadual de Saúde ajuda a resolver dois problemas: reduzir as filas nos postos de saúde para vacinação da febre amarela e ampliar as doações de sangue, que costumam cair até 40% nesta época do ano. Mas atenção: quem tomar a vacina contra a febre amarela terá que esperar quatro semanas para doar sangue normalmente.

“Estamos realizando um grande esforço em todo o estado e pedindo que a população busque a vacina. Como a pessoa precisa esperar cerca de um mês para doar sangue após se vacinar, estamos retomando essa campanha. Com isso, ampliamos o número de doações e também vacinamos mais pessoas. É importante reforçar que no Hemorio só serão vacinados os candidatos à doação de sangue, portanto, será necessário passar pela triagem antes da imunização”, explicou o secretário de Estado de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Jr.

Hemocentro coordenador do estado do Rio e unidade da Secretaria de Estado de Saúde, o Hemorio abastece as emergências dos grandes hospitais da capital do estado, maternidades e outras unidades de saúde. O hemocentro também envia sangue, quando necessário, para outras cidades. Os meses de janeiro e os dias que antecedem o Carnaval são períodos em que a unidade recebe até 40% menos doadores de sangue. Com a vacinação em massa da população de todo o estado, a tendência é que os estoques diminuam ainda mais.

Quem tomou a vacina contra a febre amarela há mais de quatro semanas pode doar sangue normalmente. Quem teve a doença também, desde que esteja curado há mais de um ano.  “É de extrema importância que as pessoas doem sangue antes de serem vacinadas, já que é preciso esperar quatro semanas para doar após a vacina. A criação deste polo é uma solução eficiente para evitar o desabastecimento de sangue”, explica o diretor geral do Hemorio, Luiz Amorim.

Equipe móvel no Via Brasil Shopping

Via-brasil-doacao-sangue

O Via Brasil Shopping recebe nos dias 26 e 27 de janeiro (sexta-feira e sábado), das 10h às 15h, uma equipe móvel do Hemorio para coletar bolsas de sangue. As equipes de coletas externas do Hemorio são compostas por 15 profissionais – médico, enfermeiros, técnicos de enfermagem e pessoal de apoio –, que montam uma sala de doação em espaços previamente aprovados por técnicos do Hemorio. Seis cadeiras de doação e dois consultórios de triagem compõem a sala, que podem atender até 140 pessoas por coleta.

É preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 kg, estar bem de saúde e portar um documento de identidade oficial com foto. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais (modelo da autorização: http://www.hemorio.rj.gov.br/html/pdf/Menor_idade.pdf). Não é necessário estar em jejum, mas é preciso evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e bebidas alcoólicas 12 horas antes.

 O Hemorio funciona todos os dias, inclusive sábados, domingos e feriados, das 7h às 18h, na Rua Frei Caneca, n° 8, no Centro do Rio. Mais informações pelo Disque-Sangue – 0800 282 0708.

Fonte: SES-RJ e Shopping Via Brasil (post atualizado em 26-01-18)

In the news
Leia Mais