Mulheres de baixa visão se especializam em maquiagem

Após passar por curso de automaquiagem, com louvor, seis mulheres são capacitadas em São Paulo para atuar profissionalmente na área

Redação
Oficina de automaquiagem melhora a autoestima das mulheres cegas (Foto: Divulgação)

Em São Paulo, outro projeto criado por voluntários merece aplausos nesta série especial de ViDA & Ação na semana do voluntariado. É o projeto Muito Além da Beleza, um curso de automaquiagem para mulheres cegas e com baixa visão. Criado em 2016 pela Tacla Consultoria de Comunicação, o projeto é oferecido pela Laramara – Associação Brasileira de Assistência à Pessoa com Deficiência Visual, em parceria com a rede de salões Jacques Janine Bourbon, em São Paulo. Desde então, já formou mais de 75 mulheres com objetivo de elevar a autoestima da pessoa com deficiência visual.

Em 2018, o Muito Além da Beleza foi vencedor do Prêmio Cabelos&Cia na categoria Responsabilidade Social. Este ano, o projeto entra em uma nova fase em 2019, com a realização de sua primeira edição profissionalizante, que tem como objetivo capacitar mulheres com baixa visão para atuarem no mercado de trabalho da beleza.

O curso acontece de 7 a 29 de agosto, às quartas e quintas-feiras, das 10h às 13h, na unidade paulista da rede de salões de beleza. Nesta primeira edição, seis alunas irão aprender como maquiar diferentes tipos de pessoas e formatos de olhos, como utilizar materiais e produtos de maquiagem profissional – desde skincare até cílios postiços, passando por bases, sombras, lápis, blushes, máscara de cílios.

Chloé Gaya, maquiadora e diretora artística da rede Jacques Janine, e Lilia Giacomini, pedagoga especializada em deficiência visual e responsável pelo Atendimento de Atividades de Vida Autônoma (AVA) da Laramara, se uniram para adaptar todos os recursos usados na automaquiagem – e agora na maquiagem profissionalizante. “Esse curso expande e sedimenta nossa parceria, que já é muito sólida, com a rede Jacques Janine e fortalece a imagem da pessoa com deficiência visual como protagonista de seus processos de inclusão social”, afirma Lilia.

Para a primeira turma, seis mulheres que já se formaram na etapa da automaquiagem foram escolhidas para participarem. Maíris Barbosa de Oliveira, aluna que concluiu o primeiro curso em 2017, afirma que a experiência foi transformadora. “Antes do Muito Além da Beleza, eu nem imaginava que poderia trabalhar neste meio, mas depois que entrei em contato com o mundo da maquiagem, se tornou uma grande vontade”, conta.

Para Sandra Tacla, que criou o projeto, junto com o jornalista Henrique Malveis, a nova turma atende a um desejo antigo dos idealizadores. “Desde o início do Muito Além da Beleza, além de elevar a autoestima da pessoa com deficiência visual, nosso maior objetivo sempre foi o de profissionalizar as participantes do curso e poder inseri-las no mercado de trabalho”, diz ela. E também pontua: “É importante que iniciativas como essas reverberem pelo Brasil, mas, para isso, precisamos do apoio da iniciativa privada”.

Além de todo conteúdo e prática ensinados nas 24 horas de aula, as participantes ganharão um kit de maquiagem para já saírem do curso com tudo o que é preciso para iniciar no novo trabalho – o que só foi possível graças à colaboração de renomadas marcas de beleza – Beleza na Web, Kat Von DKISS New YorkKlasmē CosmeticsNARSRevlonSigma BeautyShiseido e Vult – que abraçaram a causa e doaram produtos para as alunas.

A Laramara oferece diversos cursos grátis voltados para a arte e música para pessoas cegas ou com baixa visão. Além de Desenho e Pintura, aulas de coral, dança, escultura, musicalização e violão também são ministradas no próprio prédio da organização social. São atividades que ocorrem ao longo do ano, com frequência semanal. Há listas de espera em todas as atividades. Inscrições podem ser feitas pelo e-mail: cursos@laramara.org.br e pelo telefone (11) 3660-6427 no Programa de Jovens e Adultos da Laramara.

Com Assessoria de Imprensa

In the news
Leia Mais