‘Não sei se o câncer vai me vencer, mas vou lutar até o fim’

Em homenagem ao Outubro Rosa, mês de conscientização sobre o câncer de mama, o Blog Vida & Ação traz depoimentos inscríveis de mulheres que lutaram (ou lutam) contra doença. Hoje é a vez de Luzia Faro, que descobriu a doença aos 48 anos e aos 49 estava numa mesa de cirurgia. Superação é a palavra. (Uma colaboração do Projeto Pérolas)

Por Luzia Faro

Minha história de vida se iniciou no ano de 2009. Eu havia começado os exames para cuidar de minha saúde quando, de repente, me deparei com a situação que não era esperada. Ao fazer um exame de mamografia descobri que havia algo incomum diante de toda a minha história  Claro que fiquei muito assustada, mas precisava descobrir o que estava acontecendo. E durante seis meses passei por vários exames e nenhum me trouxe a resposta que os médicos aguardavam.

Diante de tudo isso, resolvi mudar de médico e  procurar uma segunda opinião. Chegamos a uma conclusão de que havia algo em que as imagens não conseguiram detectar, pois eu estava com câncer de mama e com neoplasia maligna na mama direita e axila direita e precisávamos imediatamente  partir para uma mesa de cirurgia, o que aconteceu em um mês e meio. Após estar enganada por um médico durante seis meses e o segundo o médico partiu para essa cirurgia urgente.

Logo após a cirurgia foi confirmada a neoplasia maligna e uma metástase na axila direita e foi necessário a retirada de todos os linfonodos para que não houvesse mais uma metástase. Diante de tudo isso, fui obrigada a passar por seis meses de quimioterapia que resumiria em  quatro vermelhas e 12 brancas e 30 sessões de radioterapia, mais cinco anos de medicação que foram trocadas ao longo desse período.

Hoje me encontro em monitoramento constante, exames e consultas para avaliações por conta de um seroma, devido à ausência de líquido na mama direita e na axila direita. Mas tenho levado tudo isso de uma forma bem tranquila, crendo que passei por situações que, de repente, eu nem estaria mais aqui. Mas Deus me concedeu vida e eu estou aqui pra contar para muita gente, ajudar as pessoas a terem cuidado melhor com sua saúde, menos stress e buscar se alimentar de forma que possam adquirir imunidade e qualidade de vida.

Eu sou Luzia Faro Duarte, tenho 55 anos e descobri um câncer com 48 anos de idade e com 49 anos eu estava numa mesa de cirurgia. Minhas filhas tinham apenas 9 anos e 14 anos e meu marido não contava com isso, mas minha família se uniu e hoje eu estou aqui e sou muito amada e tenho amor pra dar pras pessoas que não conseguem  ver a vida de uma forma como eu vi.

Lutei pra continuar, nunca reclamei, nunca murmurei, nunca questionei, mas sempre acreditei que existe alguma forma de eu sair disso e consegui. E tenho conseguido. Não sei se o câncer um dia vai me vencer, mas eu vou continuar lutando contra ele até o fim porque quando nós temos uma vida com determinação e  com propósito a gente consegue alcançar coisas que muitos não acreditam.

Eu acredito que Deus tem cuidado de mim e tem me dado saídas incríveis e eu tenho aproveitado cada saída. Vale a pena lutar!!! Vale a pena acreditar!!

Com a colaboração do Projeto Pérolas

 

In the news
Leia Mais