Psicólogo que sofria de compulsão cria método para emagrecer

‘Ficava preocupado, comia. Ficava ansioso, comia. Ficava eufórico, comia. Ficava magoado, comia…’, conta Roberto Garcia, que criou o Mente em Forma

Rosayne Macedo
Roberto Garcia, antes e depois
roberto-garcia-psicólogo-mente-em-forma
Psicólogo Roberto Garcia passou 15 anos sofrendo com a compulsão alimentar (Foto: Divulgação)

Corpo magro, mente gorda. Dizem que não adianta secar por fora sem emagrecer por dentro. E isso começa na cabeça. Por esse motivo, muitas pessoas que fazem bariátrica acabam engordando de novo.  Mas só quem sofre toda vez que sobe numa balança é que sabe a dificuldade que é para emagrecer. E o quanto a falta de controle diante dos impulsos por comida traz problemas com a autoestima e aceitação de si mesmo.

Roberto Garcia, especializado em Psicoterapia Cognitivo-Comportamental,  viveu na pele, por mais de 15 anos, a realidade da compulsão alimentar, um problema que afeta milhares de brasileiros. Aos 27 anos, pesava 103 quilos. Foi quando começou a mudança. Aprofundou seus estudos em assuntos comportamentais do emagrecimento, desenvolvendo o método Mente em Forma.

Pesquisador e amante da Neurociência, Psicologia Positiva e PNL (Programação Neurolinguística), hoje, com 32, anos, Roberto pesa 76 quilos. E conseguiu transformar sua experiência em uma forma de ajudar outras pessoas que enfrentam o mesmo problema. Conheça o relato de Roberto, especialmente para ViDA & Ação:

‘Comia escondido de todo mundo. Comia mesmo sem fome’

O niteroiense Roberto Garcia hoje conta sua história em outras cidades (Foto: Divulgação)

“Estou aqui para dizer que a minha história não foi rápida. Não emagreci rápido. Foi aos poucos. Foi no tempo da mudança da minha mentalidade. Não foi rápido. Não foi fácil. Não foi simples. Mas valeu a pena.

Ser um compulsivo era um “inferno”. Comia escondido de todo mundo. Comia mesmo sem fome. Não conseguia parar de comer até acabar tudo. Eram episódios com quantidades exorbitantes. Comia rápido demais. Chegava a misturar salgado com doce.

Ficava com uma culpa arrasadora depois do episódio. Era uma sensação de fracasso e impotência. A comida era o centro das preocupações. No ato de comer, o prazer era maravilhoso, mas outras vezes comia sentindo raiva de mim. Ficava preocupado, comia. Ficava ansioso, comia. Ficava eufórico, comia. Ficava magoado, comia…

Eu já sabia de tudo. Era pesquisador de dietas, sabia de tudo na teoria, mas na prática não acreditava em mim. Meu perfeccionismo e auto exigência destrutiva abalavam a moral que tinha comigo mesmo. Aliás, tinha perdido o respeito por mim mesmo. “A morte do meu ego já fazia aniversário”. Porém, depois de um episódio onde fui internado no hospital, passando mal por compulsão, eu vi que foi humilhante pra mim. E resolvi mudar a minha mente. Foi na mente que foquei.

Me entreguei de corpo e alma. Fui com tudo para mudar minha mente. Estudei, pesquisei, aprendi técnicas, praticava todos os dias, e aos poucos fui virando sinônimo deste assunto. Depois de muitas recaídas, somente em 2013 me vi com a compulsão controlada. Em 2014 criei o Mente em Forma. Este nome me veio através de um sonho.

Hoje vivo um “sonho”. Ajudo pessoas do Brasil inteiro e exterior a vencerem suas dificuldades na alimentação. Entendo bem o que você sente, pois vivi na pele por muitos anos. Trabalho com amor, passo amor, transmito amor, pois percebi que a única forma de viver que vale a pena é por amor. Acredito que, cada ser humano é especial e que, todos nós podemos evoluir e progredir”.

Como lidar com os próprios desejos sabotadores

 

Roberto Garcia (Foto: Divulgação)

Para Roberto, as consequências de não saber lidar com os próprios desejos sabotadores, além dos quilos extras, podem interferir de forma negativa na saúde emocional dos indivíduos.

Emagrecer não é só perder peso. É perder o peso da ansiedade, da auto-exigência, da autocrítica exagerada, do medo e dos pensamentos negativos. Emagrecer é uma consequência natural dos bons comportamentos que vamos adotando em nosso dia a dia”, explica o psicólogo.

Segundo ele, grande parte da razão pela qual não conseguimos nos relacionar bem com a comida é em decorrência de não conseguirmos nos relacionar bem conosco mesmo. “A proposta visa que o praticante tenha um reencontro de amor consigo mesmo”, destaca.

Com a teoria e as práticas do programa, a expectativa é proporcionar uma renovação mental, resgatando o respeito por si mesma para vencer suas limitações. “Na verdade é uma união da razão com emoção para se encontrar a paz com relação a dietas e emagrecimento”, complementa=.

Emagrecer não é só perder peso. É perder o peso da ansiedade, da auto-exigência, da autocrítica exagerada, do medo e dos pensamentos negativos. Emagrecer é uma consequência natural dos bons comportamentos que vamos adotando em nosso dia a dia”, explica o psicólogo.

VEJA MAIS:

Os quatro mitos que atrapalham o emagrecimento
Afinal, remédio para emagrecer funciona mesmo?
Por que alguns emagrecem fácil e outros não?

 

Como funciona o método

roberto-garcia-psicólogo-mente-em-forma
Roberto Garcia hoje motiva outras pessoas a encontrar saídas (Foto: Divulgação)

 

De acordo com Roberto Garcia, o Mente em Forma é um programa de atendimento psicológico voltado a pessoas que desejam alcançar o seu peso ideal, principalmente aquelas que já tentaram por diversos caminhos e encontram dificuldades para se firmar em uma dieta, seja por questões emocionais ou comportamentais.

O programa foi estruturado para apoiar e auxiliar o paciente a superar suas limitações e a alcançar o seu peso ideal. “O Mente em Forma provoca uma mudança de mentalidade com relação à dieta, mas principalmente sobre si mesmo. É muito mais que só perder peso. É inteligência emocional para todas as áreas da nossa vida”, destaca.

Um dos objetivos é que o praticante elimine pensamentos sabotadores e a ‘desautomatização’ dos atos que levam ao descontrole alimentar. O psicólogo avalia que o método empodera a pessoa, de forma a incentivá-la a seguir com disciplina para atingir a sua meta de emagrecimento.

Segundo Roberto, o tratamento pode ser individual ou em grupo, tanto presencial quanto à distância. Em grupo, o programa conta com, no mínimo, oito atendimentos e, individualmente, não há limite de sessões para o processo, pois cada caso é avaliado de forma personalizada.

Treinamentos pelo país

roberto-garcia-psicólogo-mente-em-forma

O Mente em Forma hoje conta com mais de 120 mil seguidores no Instagram @menteemforma. O psicólogo leva seus treinamentos a outras cidades brasileiras, ensinando técnicas, ferramentas e relatando experiências no processo da perda de peso.

De Niterói (RJ), o profissional vai a Ribeirão Preto, nesta segunda-feira (19) para ministrar o workshop “Como fortalecer a mente para ter autocontrole e emagrecer com sucesso”. O evento acontece a partir das 20h, na Avenida Presidente Kennedy, 1255, na Ribeirânia. As vagas são limitadas.

Fonte: Mente em Forma, com Redação 

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.