‘Sexo não combina com isolamento’, diz modelo sobre lua de mel

Jessica Lopes e o empresário Bruno Santos cancelaram festa para 300 pessoas e se casaram de máscara por uma live durante a quarentena

Redação

A modelo brasileira Jessica Lopes foi o assunto da internet ao divulgar o seu casamento realizado por videoconferência, por causa do isolamento para se proteger do coronavírus. Jessica está morando no Reino Unido com o marido e no país, a quarentena foi estendida até 1 de junho. Agora, desabafou sobre não ter clima em uma noite de sexo em sua lua de mel com o empresário Bruno Santos na Inglaterra.

Por conta da situação do mundo, Jessica teve que abrir mão da tradicional viagem de lua de mel depois do casório, e disse estar enfrentando problemas no relacionamento. “A rotina não é mais tranquila, estamos reféns do medo de contrair a doença o tempo todo”. Ela contou que a pandemia vem atrapalhando a sua rotina de casada, inclusive a sua intimidade. “O isolamento não colabora para uma vida sexual ativa. Sexo e isolamento não combinam”, disse ela.

A modelo se casou por videoconferência no dia 5 de abril e completou um pouco mais de um mês de casada. “Estamos no início, acho que é uma fase do relacionamento que vamos superar. Juntar as escovas de dentes é uma ação que vem com um pacote de responsabilidades, o primeiro ano é sempre difícil, mas depois dessa fase de adaptação, tudo melhora”, disse ela.

A modelo ficou famosa após ser flagrada por um paparazzo em 2012 nua, enquanto trocava de roupa dentro de um carro no estacionamento do aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Conhecida no Brasil com Peladona de Congonhas, também participou do Miss Bumbum World representando a Inglaterra em 2019, ficando em terceiro lugar no concurso.

Festa para 300 pessoas teve que ser cancelada

Ela e Bruno se conheceram em 2018 e vivem um relacionamento desde então. Decidiram morar juntos em Chelsea ainda em 2019 e em 2020 oficializaram a união. Ela foi pedida em casamento pelo empresário em 2019, e, desde então, disse que passava a maior parte do seu tempo planejando o grande dia.

Por conta da quarentena, Jéssica teve que cancelar a festa que faria para 300 pessoas, bem como o buffet que contratou para a evento. A cerimônia ocorreu apenas com os noivos, que usavam máscaras protetora, um juiz de paz e um fotógrafo, e transmitida por uma “live” aos convidados. “Tive que cancelar tudo e fazer uma cerimônia mais íntima, apenas com a presença do cerimonialista, fotógrafo, e nós dois”, disse.

A cerimônia aconteceu no apartamento do casal, na Inglaterra. “Nunca imaginei que a maquiagem do meu casamento seria ofuscada pela máscara, ou trocaria o altar de uma linda igreja por uma banqueta da sala”, lamentou. “Não era o que eu sonhei, mas não queria adiar por causa dessa situação no mundo. A sensação era de felicidade e amor, mas ao mesmo tempo um pouco triste por não ter famílias e amigos para abraçar. Tento pensar mais no amor que mostramos, o amor sempre vence”.

Com Assessoria e Agências