Superalimentos como aliados para vencer o tabagismo

Rosayne Macedo

alimentos

Apesar do número de fumantes estar caindo ano após ano, ainda existem 1 bilhão de fumantes no mundo, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). Quer uma motivação para parar? Pois bem, o órgão mais atingido pelo cigarro é o pulmão e necessitamos dele, pelo menos, 22 mil vezes por dia para respirar. Mas a boa notícia é que a alimentação pode ser uma grande aliada neste desafio, principalmente quando associada ao tratamento médico e psicológico.

Estudos realizados com fumantes mostraram que  alimentos como café, refrigerantes a base de cola, bebidas alcoólicas, carne vermelha, embutidos frituras e doces, além de serem os mais consumidos pelos mesmos também são os que mais incentivam a uma tragada atrás da outra.

“Constataram também que alimentos como leite,  iogurte, todas as frutas frescas,  legumes e hortaliças cruas e/ou cozidas além de sucos naturais e água, modificam o paladar e interferem no sabor do cigarro. Este fato, segundo os fumantes entrevistados, atenua a vontade de fumar”, afirma Samara Lopes, nutricionista da RenewMed Ipanema, pós-graduada em  Bases Nutricionais da Atividade Física pela Universidade Gama Filho.

O melhor é que estes alimentos são super saudáveis, por serem ricos em vitaminas, minerais e muitos compostos bioativos capazes de interferir no humor, evitando o nervosismo, a ansiedade e a depressão, além de funcionarem como verdadeiros antioxidantes e desintoxicantes  do organismo. É tudo que um fumante ou candidato à ex-fumante precisa.

As orientações nutricionais proporcionam muito benefícios, pois podem trabalhar com os alimentos que não só evitam o temido ganho de peso, como também os que vão melhorar a saúde e a qualidade de vida. Isto porque o cigarro produz muitos radicais livres que pouco a pouco vão comprometendo o bom funcionamento do organismo.

Outro detalhe é que, geralmente, os fumantes têm uma alimentação extremamente calórica, deficiente em nutrientes e são sedentários. Abaixo você terá uma sugestão de cardápio para dar o “start”, parar de fumar e ganhar muito mais saúde:

Dicas super saudáveis para deixar de fumar:

1 – Beba ao longo do dia de 6 a 8 copos de água entre as refeições.

2- Faça 5 a 6 pequenas refeições ao dia.

3 – Evite alimentos industrializados, doces, frituras, bebidas alcoólicas, refrigerantes, café, chá preto e mate

4 – Prefira alimentos naturais como frutas; legumes e hortaliças; cereais integrais (arroz, aveia, pão e macarrão); leguminosas (feijão , soja, lentilha e gão de bico); carnes (peixe e frango de preferência), leite e derivados na versão magra; oleaginosas (castanha do pará, nozes, macadãmia, amêndoas e etc.

5 – Procure comer uma maçã e uma cenoura por dia , pois são alguns dos alimentos desintoxicantes do organismo.

6 – Alimentos como batata, brócolis, banana, milho, arroz e cereais integrais além de mel são alguns dos alimentos que aliviam a ansiedade, por serem precursores da serotonina, um neurotransmissor que relaxa, melhora o humor e reduz a ansiedade. Outras fontes são camarões e peixes em geral, queijos, cogumelos, leite, fígado, bife, peito de frango, vagens, mostarda, e etc.

7 – Maracujá, alface e maçã são alimentos que acalmam. Já o espinafre e folhas verdes, além possuírem o mesmo efeito, também contém nutrientes que atuam no sistema nervoso garantindo seu bom funcionamento.

8 – Pratique uma atividade física ou técnicas de relaxamento como Meditação, Yoga , Tai Chi Chuan, dentre outras. Acupuntura pode ser também ser uma grande aliada.

9 – Procure um nutricionista para adequar a alimentação de acordo com as suas necessidades, que respeitará ao máximo as suas preferências.

10 – Não fume por impulso…Respire fundo até que passe os primeiros minutos que geraram este ímpeto e a vontade passará.Tente sempre esta técnica para adiar o ato de acender um cigarro.

11 – Mascar um cravo pode dar um alívio na vontade de fumar.

12 – Mantenha uma boa higiene bucal.

In the news
Leia Mais