Terapia que ajuda a cicatrizar lesões é novidade em simpósio no Rio

Veja ainda na Agenda Positiva bate papo online gratuito sobre fertilidade, debate sobre clínica social e encontro sobre novas normas da ANS

As lesões crônicas, sejam elas de origem vasculares, por pressão, infecciosas, neoplásicas, traumáticas ou outras, afetam um grande número de pessoas, e podem levar a óbito se não tratadas adequadamente. A preocupação com os tratamentos de lesões cresce ainda mais com o aumento da expectativa de vida do idoso. Dados do IBGE divulgados em julho estimam que em 2039 a população idosa com mais de 65 anos vai superar a de crianças de até 14 anos.

Com isso crescem as incapacidades ocasionadas por doenças associadas ao envelhecimento. São pessoas sem mobilidade ideal com sequelas de doenças venosas, AVC, fraturas, enfermidades neurológicas e cardiovasculares, integrando um grupo mais propenso ao desenvolvimento de feridas crônicas.  Esse problema gera um impacto na qualidade de vida de pacientes e  familiares. E também provoca  alto custo no sistema de saúde devido a tratamentos complexos  e internações.

Uma nova terapia promete acelerar o tempo de cicatrização de lesões graves. O VAC portátil já faz parte de alguns hospitais públicos e particulares do Rio de Janeiro e estará acessível aos consultórios, podendo atender a um maior número de pessoas sem necessidade de internação. O cirurgião plástico Marcelo Oliveira, presidente do Siitral, explica que com o equipamento a  região fica mais vascularizada, menos úmida, e com isso a recuperação do tecido se torna mais rápida.

A novidade é um dos principais destaques do  V Simpósio Internacional de Inovações Tecnológicas no Tratamento de Lesões  (Siitral 2018 ), que acontece dias 31 de agosto e 1º de setembro, no Sheraton Rio Hotel & Resort (Av. Niemeyer, 121 – Leblon). Mesas com 11 debates científicos, além de workshop e conferência com trabalhos nacionais e internacionais, movimentarão o simpósio.

Avanços científicos que integram tratamentos de lesões, a importância da nutrição,  terapia celular, reconstruções e enxertos, banco de pele, além do emprego da tecnologia robótica no rejuvenescimento facial e corporal estarão em pauta no evento,  aberto a médicos, profissionais e estudantes da área de saúde. A programação completa pode ser conferida no site.

DIA 30

Encontro esclarece normas para planos de saúde

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) realizará, no dia 30 de agosto, o evento “Ouvindo os contratantes: como os grandes consumidores de planos de saúde podem participar das decisões regulatórias?”. O encontro destina-se a pessoas jurídicas interessadas em conhecer as regras relacionadas aos planos coletivos empresariais e por adesão. As inscrições podem ser feitas até o dia 24 pelo e-mail eventos@ans.gov.br. O evento será transmitido pelo Periscope (@ans_reguladora).

DIA 28

Bate-papo online sobre fertilidade

VIDA – Centro de Fertilidade apresentará o webinário com o tema “Ovodoação”, inspirado pelo crescente número de pacientes, que necessitam da recepção de óvulos. O bate papo online será comandado pelos médicos Paulo Gallo, Maria Cecília Erthal e Maria Cecília Cardoso, especialistas em reprodução humana, no dia 28, às 19h30. Serão abordados assuntos como: as formas de recepção de óvulos, como acontece o envio através dos bancos de óvulos e o passo a passo de todo processo até a implantação do mesmo.

O envio de óvulos de bancos internacionais é uma novidade a ser comemorada na área. O VIDA, por exemplo, já trabalha com três bancos estrangeiros, na Espanha, Buenos Aires e Ucrânia. O objetivo do webinário será apresentar as novidades do segmento e prestar esclarecimentos aos interessados no tema, sobre quem pode se beneficiar e como funciona. A inscrição é gratuita e pode ser realizada pelo link. Mais informações no site.

DIA 25

Psicanalistas debatem sobre o papel da clínica social

A Sociedade Brasileira de Psicanálise do Rio de Janeiro (SBPRJ) promove neste sábado, dia 25, o encontro “Conversando sobre clínica social”, com duas mesas-redondas com psicanalistas da casa e de outras sociedades, seguidas de debates. O objetivo é a troca de experiências e a reflexão sobre os impasses e a relevância do trabalho desenvolvido nas clínicas sociais, caracterizado pelo atendimento a preço acessível a quem não dispõe de recursos para arcar com o valor integral de uma consulta.

A primeira mesa será das 9h30 às 11h, com o tema “Impasses e Desdobramentos do Trabalho da Clínica Social”, e reúne os psicanalistas Carlos Pires Leal, membro da SBPRJ e da Associação Psicanalítica de Nova Friburgo (APNF)Lia de Chermont Prochnik, membro do Círculo Psicanalítico do Rio de Janeiro (CPRJ), coordenadora da Comissão Executiva Técnica Clínica do CPRJ; e Suèly Balassian’o, vice-diretora do Departamento de Assistência Psicológica da Sociedade Psicanalítica do Rio de Janeiro (SPRJ). A coordenação é de Fatima Amin, diretora da Clínica Social da SBPRJ e membro do Instituto de Estudos da Complexidade (IEC).

Das 11h30 às 13h, o tema será “Ressonância e Pertinência no Tecido Social”, com as psicanalistas Regina Murat, membro da SBPRJ e professora da PUC-Rio, e Tereza M. Estarque, membro do CPRJ e presidente do IEC, com coordenação de Claudia Bernardes, psicanalista membro da SBPRJ.

“Conversando sobre clínica social” é uma atividade aberta a profissionais e estudantes de psicologia e psicanálise. As inscrições para público externo custam R$ 40 para profissionais e R$ 20 para universitários. Informações: sbprj@sbprj.org.br www.sbprj.org.br (21) 2537-1333 / (21) 2537-1115. O endereço da SBPRJ é rua David Campista, 80, Humaitá, RJ

DIAS 24 e 25

Impacto ambiental do ciclo menstrual em pauta

Você sabia que o impacto ambiental que uma mulher, durante a vida fértil, pode produzir? São aproximadamente 450 ciclos menstruais, em média, 150 quilos de absorventes, que são descartados como lixo orgânico no meio ambiente.  Para conscientizar sobre esta questão, a primeira marca de calcinhas absorventes do Brasil, a Pantys participa do XXII Congresso Paulista de Obstetrícia e Ginecologia, entre os dias 23 e 25 de agosto, no Transamerica Expo Center, em São Paulo. A marca apresentará um novo conceito em absorventes para os ginecologistas presentes no congresso. Além do conforto e da segurança durante o período menstrual, a novidade pretende transformar o ciclo feminino em um mix de saúde, sustentabilidade, moda e tecnologia.

ATÉ 16 DE SETEMBRO

Mais recursos para tratar obesidade

As universidades públicas e privadas, sem fins lucrativos, do Rio de Janeiro têm até o dia 16 de setembro para inscreverem projetos com ações de prevenção, diagnóstico e tratamento da obesidade no Sistema Único de Saúde. Uma chamada pública aberta pelo Ministério da Saúde destinará até R$ 500 mil para o estado desenvolver ações de pesquisa, extensão e formação de trabalhadores na atenção básica, nível de atenção com capacidade para resolver 80% dos problemas de saúde do brasileiro.

Da Redação, com Assessorias

Por Favor, Compartilhe!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

In the news
Leia Mais