Covid-19: vacinação avança, mas ainda faltam 80% da população

Mais de 33,2 milhões de brasileiros completaram a imunização com a segunda dose ou a dose única, o que representa 20% do público-alvo no país

Doses da vacina da Pfizer chegam ao Brasil (Foto: Walterson Rosa/MS)

Até sexta-feira (16), o Ministério da Saúde havia distribuído 154,7 milhões de doses de vacinas Covid-19 de diferentes laboratórios para estados e o Distrito Federal. Cerca de 55% do público-alvo já receberam ao menos uma dose da vacina e 20% completaram o esquema vacinal, segundo a pasta.

Dezesseis dias depois de alcançar a marca de 100 milhões de doses aplicadas, o Brasil superou nesta sexta-feira (16) mais de 120 milhões de doses da vacina Covid-19 aplicadas. Mais de 87,5 milhões de pessoas já receberam a primeira dose da vacina. Isso significa que 54,6% do público-alvo já foram imunizados até agora.

No Brasil, a população vacinável é composta por pessoas maiores de 18 anos, o que corresponde a mais de 160 milhões de brasileiros. Até o momento, mais de 33,2 milhões de brasileiros completaram a imunização. São pessoas que já tomaram a segunda dose ou imunizante de dose única, ou seja, mais de 20% do público-alvo no país.

A importância da segunda dose é tema de campanha lançada pelo Ministério da Saúde neste mês. A família Zé Gotinha entrou em ação, mais uma vez, com a missão de missão de incentivar a população a tomar a segunda dose da vacina Covid-19. Os personagens são os protagonistas para completarem o esquema vacinal com as duas doses dos imunizantes.

Campanha com a Família Zé Gotinha vai incentivar população a tomar as duas doses (Foto: Myke Sena / MS)

Fiocruz recebe IFA para produção de 10 milhões de doses de vacinas

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) recebe neste sábado (17) mais uma remessa de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) para produzir vacinas Covid-19. Essa entrega permitirá a produção de cerca de 10 milhões de doses de vacina AstraZeneca/Oxford no Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos, localizado em Bio-Manguinhos, no Rio de Janeiro. A nova remessa possibilitará entregas no mês de agosto, depois que as vacinas passarem pelas etapas de processamento final e de controle de qualidade.

A vacina AstraZeneca é o imunizante mais aplicado nos brasileiros. São mais de 75,9 milhões de doses distribuídas para estados e Distrito Federal. O imunizante foi desenvolvido em parceria com a Universidade de Oxford, no Reino Unido, e desde fevereiro de 2021 é produzida em larga escala pelo Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos da Fiocruz a partir de IFA importado. No entanto, após acordo de transferência de tecnologia, a Fiocruz passará a produzir vacinas com IFA 100% nacional a partir do segundo semestre deste ano.

Mais de 900 mil doses da vacina da Pfizer

Esta semana mais 924,3 mil doses da vacina Covid-19 da Pfizer/BioNTech chegaram ao Brasil, como parte do primeiro contrato do Ministério da Saúde com a farmacêutica que prevê a entrega de 100 milhões de doses do imunizante até setembro – Leia mais sobre o acordo aqui.

Até agora, a pasta já distribuiu mais de 16 milhões de doses da vacina da Pfizer para todos os estados e Distrito Federal. A previsão é de que o Brasil receba, em julho, 15 milhões de doses da farmacêutica. No total, estão garantidos 200 milhões de doses da Pfizer até o fim do ano – os outros 100 milhões, fruto de um segundo acordo, estão previstos para chegar entre setembro e dezembro.

Distribuição

Até o momento, o Ministério da Saúde já distribuiu de forma proporcional aos estados e ao Distrito Federal cerca de 154,3 milhões de vacinas dos laboratórios. São mais de:

• 75,7 milhões de doses da Astrazeneca/Oxford;
• 57,4 milhões da Coronovac/Sinovac;
• 16,3 milhões da Pfizer/BioNTech;
• 4,7 milhões da Janssen/Johnson&Johnson.

Veja mais dados sobre o vacinômetro aqui.  

Fonte: Ministério da Saúde

Gostou desse conteúdo? Compartilhe em suas redes!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

In the news
Leia Mais