Boas Ações: Natal Sem Fome quer volume recorde de doações

Para este ano, Ação da Cidadania espera 2 mil toneladas de alimentos. Veste Rio tem entrada solidária para o Mesa Brasil. Veja outras iniciativas em nosso roteiro de Boas Ações

Redação
Sede da Ação da Cidadania, no bairro da Saúde, no Rio, recebe doações de empresas e pessoas físicas (Foto: EBC)
Natal sem Fome Norton Tavares
Abertura da campanha deste ano teve mesa gigante no Aterro (Foto: Norton Tavares)

Dados recentes divulgados pela Pnad Contínua, do IBGE, apontam um aumento da extrema pobreza no país em cerca de 11% de 2016 para 2017 (de 13,3 para 14,8 milhões de pessoas). Para a Ação da Cidadania, isso pode se refletir no aumento do número de pessoas que passam fome no país.

Para tentar dimiuir essas estatísticas, a ONG, que completa 25 anos, quer arrecadar duas mil toneladas de alimentos não perecíveis em sua campanha Natal sem Fome deste ano.  Fundada pelo sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, a Ação tem sede na Zona Portuária (Av. Barão de Tefé 75, Saúde) e postos de coleta funcionam nos comitês pelo Brasil.

Outros postos de coleta, em parceria com empresas e entidades da sociedade, também estão listados no site da campanha – veja os endereços aqui. Pelo hotsite da campanha ainda é possível fazer doações em dinheiro (via cartão de crédito ou boleto).

Rede de supermercados vai dobrar doações

A rede de Supermercados Guanabara firmou acordo inédito permitirá que todas as 26 unidades da empresa, distribuídas pelo Rio, Grande Rio e Baixada Fluminense, recebam doações de alimentos não perecíveis. O Supermercados Guanabara vai dobrar a quantidade arrecadada e ainda completar o montante, caso a doação seja menor que 2 toneladas.

A tradicional mesa de aproximadamente 1 km no Aterro do Flamengo, que marca, no Rio, o lançamento da campanha, foi montada no domingo (14), com participação de músicos do projeto Playing for Changes.

A entrega dos alimentos será feita entre os dias 21 e 23 de dezembro em todos os estados participantes por meio da rede de comitês da Ação da Cidadania em todo o país, fazendo o alimento chegar a centenas de milhares de famílias em situação de insegurança alimentar.

Entrada solidária na Veste Rio

Cinco dias de muita moda, beleza e diversão no Píer Mauá e, ainda por cima, muita solidariedade. Como na edição anterior, a Veste Rio que termina neste domingo (21) adotou a entrada solidária, com entrega de 1 kg de alimento não perecível, coletado pelo programa social Mesa Brasil e encaminhado a instituições sociais parceiras. A expectativa é atrair 25 mil visitantes.

Cumprindo seu papel de responsabilidade social, o evento arrecadou quase 4 toneladas de alimentos na edição de abril para o Mesa Brasil, um programa social do Sesc RJ que busca minimizar os efeitos da fome e do desperdício. A iniciativa recolhe produtos alimentícios em perfeitas condições de consumo e os entrega a instituições sociais parceiras.

Nesta edição, serão beneficiadas: Mundo Novo da Cultura Viva, Jovens Com Uma Missão (Jocum Borel), ONG José Maria de Lima, Casa Assistencial de Amparo Paula (CAAP), Lar Fabiano de Cristo Mãe Marocas, Centro Educacional Criança do Futuro e Adolescente (CECFA), UPI Júlio Forain – Lar Fabiano de Cristo, Centro de Cidadania e Atividades Sociais – Casa Viva.

Aberta na quarta-feira (17), a Veste Rio oferece a oportunidade de compras roupas de marcas famosas com descontos que vão de 15% a 80%. Além do outlet, que reúne mais de 90 marcas, a feira também contou com salão de negócios, oficinas e palestras gratuitas sobre moda. Mais informações: www.vesterio.rio.

Exclusão de mulheres negras em pauta

A próxima edição do Clube de Leitura do Museu do Amanhã abordará o livro Olhos d’Água, no sábado (20), às 10h30. A obra de Conceição Evaristo reúne contos que retratam a violência e a exclusão social que acometem mulheres negras, e está alinhado ao tema da programação do Museu do Amanhã para o mês de outubro: diversidade.

A mediação será de David Alfredo, educador do Museu do Amanhãe de Tayline Moreira, da Livraria da Travessa. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site do Museu do Amanhã.

A atividade é uma parceria entre o Programa Amigos do Amanhã e a Livraria da Travessa, e ocorre sempre no terceiro sábado de cada mês, com o objetivo de estimular os participantes a discutirem temas relacionados à programação e aos pilares do Museu do Amanhã.

Campanha de doação de sangue em hospital

O Hospital Municipal Salgado Filho recebe no dia 30 mais uma ação da campanha de doação de sangue em unidades da rede municipal de Saúde. O hospital funciona na Rua Arquias Cordeiro, no Méier, Zona Norte do Rio.

A ação conjunta com o HemoRio, com o lema “Seja herói por um dia e ajude a salvar uma vida”, tem como objetivo o abastecimento do estoque do hemocentro e o estímulo à doação.

Para ser um doador é preciso apresentar um documento de identificação com foto, como por exemplo o Registro Civil, Carteira Nacional de Habilitação ou Carteira Profissional. O doador precisa ter entre 16 e 59 anos e pesar mais de 50 kg.Também é recomendável repousar na noite anterior a doação. 

Nesta quarta (17), o Hospital Municipal Lourenço Jorge bateu recorde de coleta de bolsas de sangue: foram 85, que podem salvar até 340 pessoas (cada bolsa pode salvar até 4 vidas).

PELO PAIS

Semana Lixo Zero em 60 cidades

A Semana de Lixo Zero, que acontece de 19 a 28 de outubro, em mais de 60 cidades, traz encontros, rodas de conversa, coletas seletivas e palestras que buscam a conscientização do lixo, principalmente nas empresas.

Dentro da programação, a Casa Santa Luzia recebe nesta quarta-feira (24), a especialista em Gestão de Resíduos Rita Cohen. Ela ministrará a palestra Restaurante Lixo Zero, na qual apresentará casos práticos de cozinhas profissionais que caminham rumo ao lixo zero: desde a compra ao não desperdício, aproveitando todo o alimento.

O evento é gratuito e será realizado das 18h às 20h, no mezanino da loja. A programação completa da Semana do Lixo Zero está no site.

Da Redação, com Assessorias

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.