Brasil já é 8º no ranking mundial em mortes por Covid-19

Já são 6.761 óbitos pela doença e total de infectados chega a 97.100, o 10º maior no mundo. Pelo menos outras 1.330 mortes são investigadas

Redação

Ainda neste domingo (3), o Brasil deve bater os 100 mil casos do novo coronavírus registrados desde o começo da pandemia no ranking mundial da pandemia. Pela manhã, o número de infectados no Brasil já chegava a 97.100, com 6.761 mortes pela Covid-19, de acordo com a Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos, que monitora as estatísticas oficiais em todo o mundo.

Com isso, o país ocupa a oitava posição em número de mortes e a 10ª posição em número de casos. Os Estados Unidos continuam liderando os números de mortos, seguidos de Itália, Reino Unido, Espanha, França, Bélgica e Alemanha. O campeão em número de casos também são os EUA e depois vêm Espanha, Itália, Reino Unido, França, Alemanha, Rússia, Turquia e Irã.

Na tarde de sábado (2), o  Ministério da Saúde divulgou que o Brasil estava com 96.559 casos confirmados da doença e 6.750 mortes foram registradas. A taxa de letalidade está em 7%. Nas últimas 24 horas, o ministério registrou 4.970 novos casos e 421 mortes. Há 40.937 pacientes recuperados, o que corresponde a 42,4% dos casos. Existem ainda 1.330 mortes em investigação.

Por esses dados, o Estado de São Paulo lidera as estatísticas, com 31.174 casos e 2.586 mortes. O Rio de Janeiro vem em segundo lugar, com 10.546 casos e 971 mortes. Em seguida, vêm Ceará, com 8.309 casos e 638 mortes; Pernambuco, com 8.145 casos e 628 mortes; e Amazonas, com 6.062 casos e 501 mortes.

O Estado do Rio  registrou mais 380 casos e 50 mortes de Covid-19 em apenas um dia, de acordo com dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde. Há ainda 331 mortes em investigação, segundo a secretaria. Apenas a capital concentra 6.448 dos casos confirmados e 603 mortes.

Duque de Caxias registra 458 casos e 83 mortes. Já a vizinha Nova Iguaçu tem 415 casos e 60 mortes. No Grande Rio ainda se destacam Niterói (com 415 casos e 26 mortes) e São Gonçalo (291 casos e 23 mortes). No interior, a maior parte dos casos ocorreu em Volta Redonda (273 casos) e o maior número de mortes, em Macaé (12).

Europa tem 1,5 milhão de casos do novo coronavírus

Mais de um milhão e meio de casos de contaminação pelo novo coronavírus foram oficialmente diagnosticados na Europa, um pouco menos da metade do total mundial, de acordo com uma contagem feita pela France-Presse (AFP). Com pelo menos 1.506.853 de casos e 140.260 mortes, a Europa é o continente mais afetado pela pandemia da Covid-19.

Em  nível mundial, o total de registros de infetados foi de 3.350.224 casos e o total de mortes é de 238.334. Espanha, com 215.216 casos e 24.824 mortes; Itália, com 207.428 e 28.236 mortes; Reino Unido, com 177.454 casos e 27.510; França, com 167.346 casos e 24.594 mortes; e Alemanha, com 161.703 casos e 6.575 mortes, são os cinco países que contam oficialmente com mais de 150.000 casos no seu território. Já a Rússia, com 124.054 e 1.222 mortes, é o país que registra atualmente maior número de casos por dia.

Todavia, o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do número real de infecções, já que muitos países neste momento testam apenas os casos que requerem tratamento hospitalar.

Fonte: Agência Brasil e RTP – Rádio e Televisão de Portugal