Como gerenciar os pensamentos no ambiente de trabalho?

Gestão de Pensamentos pode ser aliada da produtividade e da saúde mental no mundo corporativo. Especialista ensina técnica da terapia do som

Por Karina Siervi*

Vivemos um cenário onde uma em cada quatro pessoas irá desenvolver algum transtorno psiquiátrico ao longo da vida, segundo aponta a OMS. E o Brasil ocupa o primeiro lugar na lista de países onde há maiores taxas de ansiedade. Apesar de alarmante, esse quadro mostra a importância que devemos dar ao cuidado com a saúde mental e emocional e não só na vida pessoal, mas também no trabalho. Mais do que isso, devemos ficar atentos ao modo como estamos gerenciando o que circula de forma livre em nossas mentes: os pensamentos.

Você sabia que os nossos pensamentos influenciam diretamente as  nossas emoções, ações, comportamentos, decisões e relacionamentos? Eles podem parecer até inofensivos, mas atuam diretamente em nossa saúde mental e emocional. De acordo com a famosa escritora motivacional Louise Hay em seu Livro Você Pode Curar sua Vida: “Os pensamentos que escolhemos são as tintas que usamos para pintar a tela da nossa vida.”

Somos como uma grande orquestra, cada parte influencia no todo. Pensamentos podem mudar o ritmo, o tom e até desarranjar toda nossa sinfonia. Sem um regente, uma orquestra vira um caos, e assim acontece com nossa mente quando não gerenciamos nossos pensamentos. Quando não escolhemos que pensamentos queremos dar força e quais deixamos ir embora.

Assim, são inúmeras as fontes que nos levam a ter pensamentos desorganizados.  E o excesso de dados que consumimos diariamente é o fator principal: altas demandas no trabalho, notícias desagradáveis a todo instante ao alcance dos dedos, além de gastar tempo demais nas mídias sociais. Com isso, estamos a todo momento estimulando mais e mais nossa mente, ingerindo informações, nos comparando com os outros.

‘Cada pensamento no agora cria o seu futuro’

Porém, a boa notícia é que temos sim controle sobre os nossos pensamentos! Gerenciar pensamentos significa tornar-se consciente de tudo que você está criando em sua mente neste momento. Cada pensamento no agora cria o seu futuro. E à medida que nos tornamos conscientes do que estamos criando, podemos questionar se é esse futuro que desejamos seguir criando e então agir de forma diferente: esse pensamento me fortalece? Ajuda a lidar com a situação atual? Ele é útil para mim?

Neste sentido, pensamentos não gerenciados podem levar a diversos males, como Ansiedade, Burnout,  irritabilidade, impaciência, insônia, cansaço, esgotamento mental e emocional, tensão e dores no corpo, compulsão alimentar, síndrome do pensamento acelerado, dificuldade para se concentrar, inquietação…O que pode tornar o colaborador de empresa, por exemplo, a não produzir seu trabalho de forma saudável. 

Em minha experiência como terapeuta, percebo a efetividade das terapias integrativas como aliadas no cuidado com a saúde. As Práticas Integrativas e Complementares (PICs) contribuem para a restauração e manutenção da saúde de forma integral. Sendo assim, toda prática que fortaleça e equilibre nossa saúde está influenciando diretamente no cultivo de uma mente saudável e contribuindo para a prática de gestão de pensamentos. Quando nossa saúde está em desequilíbrio tudo é afetado e torna-se mais difícil manter uma mente saudável, dormir bem, ter disposição e clareza. 

Terapia do Som é aliada na gestão de pensamentos

Um exemplo de uma destas práticas é a Terapia do Som (Sound Healing). Ela é uma grande aliada na gestão de pensamentos por ser um experiência que facilita o relaxamento profundo, acalma a mente, diminui os níveis de estresse e tensão, melhora a qualidade do sono, nos ajuda a ampliar a percepção e consciência sobre nós mesmos e resgatar nossas próprias ferramentas de equilíbrio e harmonia.

Tenho recebido muitas pessoas com graus elevados de ansiedade, agitação mental, insônia, depressão, baixa vitalidade. Quando elas recebem passam pela experiência de Gestão dos Pensamentos e a Terapia do Som costumam relatar que sentem leveza, muitas dizem que é como flutuar, percebem a mente mais clara e calma, dormem melhor, tem mais disposição e relatam muitas mudanças na dinâmica do trabalho após as sessões. Tudo isso permite e facilita o desenvolvimento de novos comportamentos e ações com relação aos pensamentos. Quando mudamos nossos estados, enxergamos novas possibilidades e nos encorajamos a trilhar novos caminhos.

Em um caso recente, uma paciente estava à beira de um burnout e esgotamento emocional, com dificuldades de se expressar no ambiente de trabalho e até mesmo de pedir ajuda.  Com cerca de 3 sessões ela começou a se perceber em um novo estado emocional, energético e mental. Com mais clareza da situação, confiança em si mesma, acolhendo suas emoções e sentimentos e priorizando o autocuidado. Ela se sentia como se estivesse atravessando uma tempestade e agora conseguia voltar a respirar com calma, ver novos horizontes.

Isso é observado também nas sessões em grupos com empresas. Cerca de 15 a 30 minutos de terapia sonora tem demonstrado resultados significativos com relatos de profundo relaxamento, descompressão, alívio de dores e tensões no corpo, leveza, disposição, clareza, alegria. É como se renovássemos nosso sistema por completo: mente, corpo, emoções, energia. 

Assim, descobrir que não somos reféns de uma mente agitada e desgovernada e que temos as ferramentas para gerenciar nossos pensamentos. E esse tem sido o resultado mais poderoso que tenho obtido através de experiências de gestão dos pensamentos e terapia do som com pessoas do mundo corporativo: cultivar uma mente saudável é libertador!

*Karina Siervi é bacharel em Ciências Biológicas com ênfase em Neurociências, Meta-Coach em Neuro-Semântica pela Sociedade Internacional de Neuro-Semântica (ISNS). Sound Healer pelo Método Internacional Peter Hess, instrutora de O-DGI (O Despertar do Guerreiro Interno), e também terapeuta da Naomm, empresa especializada em atendimento on-line em práticas integrativas e complementares (PICs)

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

In the news
Leia Mais