Como os idosos vão viver e ocupar os espaços urbanos no mundo pós-Covid-19?

Série de webinars do Movimento Longevidade Brasil que discute moradia para a população sênior é destaque na Agenda Positiva da semana

Redação

Como os idosos – cada vez mais numerosos no Brasil – vão viver e ocupar os espaços urbanos no mundo pós-Covid? Para discutir esses desafios, nos dias 14 a 16 de outubro, o Movimento Longevidade Brasil (MLB) realiza o ciclo de webinars “Jeitos de viver os novos tempos”, como parte do Outubro Urbano, uma iniciativa do Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-Habitat), presente no Brasil há mais de 20 anos.

Em 2018, a ONU-Habitat criou o megaevento ‘Circuito Urbano’ para apoiar institucionalmente e dar visibilidade a eventos organizados por profissionais, organizações, empresas, grupos, atuantes na área de Habitação no Brasil, depois incorporando os países africanos de língua portuguesa. Em outubro de 2020, durante o mês inteiro, o Brasil e a África lusófona apresentam webinars com o tema “Cidades pós-Covid-19: diálogos entre o Brasil e a África lusófona”.

O primeiro webinar no dia 14, às 15h, será ‘Longevidade’, marcando a abertura do ciclo no Facebook do MLB. Os palestrantes serão Paulo Protásio (presidente Câmara Empresarial Rio); Maria Alice Ferrucio (diretora-adjunta de Carreira e Empreendedorismo da Escola Politécnica/UFRJ) e Silvia Maria Magalhães Costa (pesquisadora Gegop e mentora MLB. A mediação é da presidente do MLB Carlota Esteves, empreendedora social na área de longevidade, que traçará um histórico do Movimento Longevidade Brasil.

O segundo Webinar será sobre ‘Espaços Urbanos de Acolhimento e Socialização’, dia 15, às 15h, com participação de Virgínia Maffioletti (Centro Dia – IPUB/UFRJ), Carolina Ruiz (Avance Centro Dia), Karla Giacomim (Frente Nacional das ILPIs) e Luis Jacob (presidente da RUTIS – Redes de Universidades Seniores em Portugal).

O terceiro webinar será sobre ‘Cidade e Moradia na Longevidade’, no dia 16, às 15h, com Jorge Costa (arquiteto e urbanista; professor na UnATI/UERJ), Adriana Portella (pesquisadora e urbanista; professora na UFPEL) e Luciana Barbosa (arquiteta e urbanista; coordenadora de acessibilidade no MMFDH).

“A “Habitação” – entendida como conjunto de espaços da vida em sociedade – se conecta com “Longevidade” associada ao tempo da vida humana. Na junção temos espaço e tempo”, explica Carlota, que é engenheira de formação. Foi ela quem criou o Movimento Longevidade Brasil (MLB), uma organização da sociedade civil, fundada em abril de 2017. O objetivo do MLB é fomentar boas práticas e oferecer conteúdos, serviços e produtos em espaços físicos e digitais.

Para isso, o MLB articula parcerias com profissionais, organizações, empresas e entidades; realiza encontros, palestras e eventos, inclusive com palestrantes internacionais; promove campanhas ao ar livre na Praia de Copacabana; divulga iniciativas de integrantes do ecossistema da longevidade, de interesse geral. Sua atuação é orientada pelos pilares: ‘Educação e Cidadania’; ‘Saúde e Bem-Estar’; ‘Trabalho e Empreendedorismo’; ‘Tecnologia e Inovação’.

Palestra do Inca vai esclarecer dúvidas sobre câncer de mama

Nesta quarta-feira, dia 14, o Instituto Nacional de Câncer (Inca) promoverá uma palestra para a população sobre câncer de mama. Os esclarecimentos serão da sanitarista Mônica de Assis, da Divisão de Detecção Precoce e Apoio à Organização de Rede (Inca/Ministério da Saúde).

A especialista abordará a prevenção, o diagnóstico precoce e o rastreamento do câncer de mama, aspectos gerais sobre a doença, fatores de risco e de proteção, além das recomendações do Inca/Ministério da Saúde sobre este tipo de câncer. A palestra acontece às 15 horas, no YouTube TV Inca – acione o lembrete. As perguntas já podem ser enviadas por meio do e-mail webinar@inca.gov.br.

Estamos fazendo essa atividade on-line pela primeira vez, em função da pandemia e como forma de alcançar mais pessoas. Desejamos que seja um momento para compartilhar informações relevantes e esclarecer dúvidas sobre a prevenção e a detecção precoce do câncer de mama”, destaca Mônica.

Saiba mais sobre a campanha Outubro Rosa, do Inca, neste link.

Qual a relação entre obesidade e Covid-19?

O Instituto Lado a Lado pela Vida (LAL) realiza na quinta-feira, dia 15 de outubro, às 19h30, o webinar gratuito Raio X da Obesidade: o que a Covid-19 expôs sobre a vulnerabilidade do paciente? O encontro vai abordar a associação do sobrepeso e condições como diabetes e problemas cardiovasculares, com a Covid-19, doença infecciosa causada pelo novo coronavírus, e suas complicações.

De acordo com dados do Ministério da Saúde divulgados no início deste ano, 55,7% da população adulta brasileira está acima do peso e 19,8% tem obesidade. Na comparação entre 2006 e 2019, o Brasil registrou 30,8% de aumento no número de pessoas com a doença, sendo que a faixa etária mais sensível está entre 18 e 24 anos.

Essa realidade estabelece uma dúvida sobre o quanto vem sendo realizado em prol do combate à condição como forma de prevenir o agravamento de diversas doenças. “Nossa proposta é discutir a estrutura do cuidado e atenção à saúde do paciente com obesidade e a importância de endereçar lacunas de políticas públicas neste contexto”, afirma Marlene Oliveira, presidente do LAL.

O debate contará com a participação de Gisele Bortolini, coordenadora-geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde; Flávia Tanaka, especialista em Regulação de Saúde Suplementar da Agência Nacional de Saúde Suplementar; Cristiane Pantaleão, vice-presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde; e Luiz Teixeira Jr., ex-secretário de Estado da Saúde do Rio de Janeiro.

O webinar será moderado por Marlene Oliveira, presidente do LAL, e pela Cintia Cercato, médica endocrinologista, professora da pós-graduação em obesidade na USP e diretora da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso). O evento conta com apoio da Novo Nordisk, empresa global de saúde voltada para o tratamento da obesidade e outras doenças crônicas.

Inscrições pelo link: https://rvmais.iweventos.com.br/evento/lal2020/home

Palestra gratuita debate sobre estética, beleza, saúde e cuidados com a pele

Qual o impacto das mudanças do estilo de vida na melhoria da saúde e beleza das pessoas? Esse é um dos questionamentos que serão discutidos na palestra “Saúde Integral: você no controle da sua saúde e beleza” com o cirurgião plástico Alexandre de Souza.

O evento, realizado pela Faculdade Arnaldo, será na quarta-feira, 14 de outubro, às 19h. Os interessados em participar devem se inscrever no site da Faculdade Arnaldo na aba de eventos. Após a inscrição, o interessado recebe no e-mail cadastrado o endereço eletrônico para participar da palestra online. Estética, cuidados com a pele e o retardamento do envelhecimento são temas que também serão discutidos.

O cirurgião plástico brasileiro radicado nos Estados Unidos há mais de 30 anos, é presidente do Institute of Applied Anatomy (IAA), membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e da American Association of Anatomists (AAA). Alexandre de Souza é formado em Medicina no Brasil e nos Estados Unidos. É um dos mais importantes e influentes anatomistas e cirurgiões de Medicina moderna.

A palestra online também será marcada pelo mais recente trabalho de Alexandre de Souza, o livro “Harmonização Facial”. O objetivo do livro é apresentar as bases dos procedimentos de harmonização facial e como alcançar resultados melhores e mais seguros.

Obesidade infantil em tempos de Covid-19 em pauta

Com o objetivo de alertar sobre a obesidade infantil, o Instituto Alana participa de uma mesa do 2° Seminário de Obesidade em Crianças e Adolescentes do Instituto Desiderata , evento do qual é apoiador. A conversa será no dia 19 de outubro, às 19h, e trará como tema a “Obesidade infantil em tempos de Covid-19” com destaque para os cuidados que devem ser tomados com as crianças neste período de pandemia.

Laís Fleury, coordenadora do programa Criança e Natureza e Livia Cattaruzzi, advogada do programa Criança e Consumo, participam da mesa trazendo, respectivamente, as perspectivas da importância do contato com a natureza e os impactos da publicidade infantil de produtos alimentícios não saudáveis nos índices de obesidade infantil no Brasil. Roberta Marques, diretora do Instituto Desiderata, será a mediadora. A transmissão será ao vivo no YouTube .

Nessa mesma data, será lançado o infográfico “Obesidade em crianças e adolescentes: Uma responsabilidade compartilhada”, criado em parceria com o Instituto Desiderata e os dois programas do Instituto Alana que participam do evento. O material ficará disponível para consulta nos sites do Criança e Consumo, do Criança e Natureza e do Instituto Desiderata.

EVENTOS TÉCNICOS

Webinar sobre a evolução do diagnóstico e tratamento da IVC

O laboratório Gross, em parceria com a Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), promove, no próximo dia 15 de outubro, quinta-feira, um webinar que visa discutir “Uma Nova Era na Angiologia: A Evolução do Diagnóstico ao Tratamento da IVC”. O evento, exclusivo para profissionais e estudantes da área da saúde, terá início às 19h.

O presidente da SBACV e especialista na área de Angiologia e Cirurgia Vascular, Bruno Naves, será o moderador do webinar, que contará com os palestrantes Marcio Steinbruch, especialista em cirurgia vascular pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), e Bernardo Barros, especialista em fisiopatologia clínica e experimental pela Faculdade de Ciências Médicas Uerj.

O principal objetivo da aula é abordar formas de diagnóstico, novas perspectivas para o tratamento, fazer um overview dos estudos clínicos e apresentar novas atualizações para o tratamento da IVC. Logo após a discussão, haverá um momento para perguntas e trocas de experiências, o que tornará o evento mais enriquecedor. O webinar vai trazer discussões importantes sobre o assunto e apresentar conteúdo exclusivo aos profissionais de saúde.

O evento será transmitido simultaneamente pelo site da SBACV e na abertura do XVI Congresso da Associação Brasileira de Flebologia e Linfologia (ABFL). Inscrições: http://bit.ly/sbacv004

Operadoras de saúde discutem telemedicina em evento internacional

O Global Summit Telemedicine & Digital Health acontece entre os dias 13 e 16 de outubro no formato totalmente digital e multiplataforma. A proposta do evento internacional é congregar o ecossistema da saúde digital e telemedicina completo, reunindo todos os atores e os melhores especialistas para compartilhar seu conhecimento e experiências de iniciativas que estão sendo realizadas aqui e em outros países.

O painel ‘Telemedicina e Saúde Digital: Experiência e Visão das Operadoras de Saúde’ acontece nesta quarta (14), às 9h. Moderados por José Luiz Toro Silva, da Unidas; os convidados são Marcos Loreto, diretor médico técnico do Omint; Fernando Pedro, diretor médico da Amil; Viviane Mathias, da Sulamérica, e José Luciano Monteiro Cunha, da Telemedicina Hapvida.

Eles falarão sobre a Telemedicina como ferramenta de logística para o acesso e cuidado em tempos de pandemia, seus principais desafios de implantação e expansão e como ela pode ajudar as operadoras verticalizadas a salvar vidas na pandemia.

Idealizado pela Associação Paulista de Medicina (APM), em parceria com o Transamerica Expo, o evento aborda os mais relevantes e atuais temas do mercado como: telehealth, digital health, wearables, artificial intelligence, machine learning, internet of medical things, patient experience, telemedicine, mobile health, analytics & big data, internet of me, health promotion and prevention entre outros.

Livro ‘Gestão Pública e Saúde’ é lançado dia 13

A Editora FGV lança o livro ‘Gestão pública e saúde’, do especialista em planejamento de saúde, Ricardo Oliveira, no dia 13 de outubro. A obra traz as experiências e visões do autor e suas alternativas sobre o sistema de saúde brasileiro.

Para marcar este lançamento, o autor da obra, Ricardo de Oliveira, o economista Armínio Fraga e a médica e pesquisadora da UFRJ, Lígia Bahia, se encontrarão neste webinar para um bate-papo sobre as questões relacionadas aos problemas e possíveis soluções da gestão pública da saúde no Brasil.

Este novo livro publicado pela FGV Editora chega ao público em momento mais que oportuno. Quando uma nova crise na saúde, provocada pelo novo coronavírus, chamou a atenção para a necessidade de termos sistemas de saúde sólidos e resilientes no mundo. E, no nosso caso particular, sobre a importância da gestão do SUS.

Em uma linguagem direta e prática, Ricardo de Oliveira demonstra nesta obra que os problemas podem ser solucionados numa ação articulada de curto, médio e longo prazos, que ultrapassa gestões governamentais.

Link de inscrição: http://evento.fgv.br/gestaopublicaesaude/

Com Assessorias

In the news
Leia Mais