De volta ao mapa da fome, Brasil é destaque em ranking de desperdício de alimentos

Nesse Stop Food Waste Day, conheça iniciativas que combatem o desperdício de alimentos e ajudam a alimentar milhares de famílias

Redação
doacao Liv Up Food tech Liv Up já doou mais de 30 toneladas de orgânicos em 2020, em parceria com mais de 18 ONGs (Foto: Divulgação)

Na contramão do aumento da fome em todo o mundo durante a pandemia do novo coronavírus, 1,3 bilhão de toneladas de comida são perdidas ou desperdiçadas a cada ano. Esse número corresponde a cerca de um terço de todo alimento produzido para consumo humano, segundo dados da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO/ONU).

Ironicamente, o Brasil – que voltou ao mapa da fome nos últimos anos graças à falta de políticas públicas assistenciais dos governos – ocupa a 10ª posição no ranking dos que mais desperdiçam alimentos no dia a dia, totalizando 23,6 toneladas por ano. De acordo com as pesquisas, os alimentos, como arroz e feijão (38%), carne bovina (20%) e frango (15%), são os mais desperdiçados nas refeições pelos brasileiros.

Segundo a Embrapa (2018), cada família média brasileira desperdiça quase 130 Kg de comida por ano, o que equivale a 41,6 kg por pessoa. Esse número estrondoso representa quase 10% de todo o alimento disponível no país. Do outro lado da balança, o Banco Mundial estimava que cerca de 14,7 milhões de brasileiros, cerca de 7% da população, passaria fome até o final de 2020.

Essa situação se agravou após a crise econômica advinda da pandemia. Dados divulgados pela ONU (Organização das Nações Unidas) em julho de 2020 apontavam um aumento de 132 milhões de pessoas no já alarmante número de 690 milhões de seres humanos passando fome. Um número que chega a representar quase 10% da população mundial.

Stop Food Waste Day: um dia contra o desperdício

Diante deste cenário, três iniciativas merecem destaque. A primeira delas é o movimento internacional Stop Food Waste Day, criado em 2017 nos Estados Unidos, contra o desperdício de alimentos. A campanha Juntos contra o Desperdício – que tem seu Dia D nesta quarta-feira, 28 de abril – procura conscientizar a população de diversos países contra o desperdício de alimentos e engajar as pessoas sobre o consumo consciente.

No Brasil, a campanha acontece desde 2018, com a adesão do grupo GRSA | Compass, empresa de serviços de alimentação e suporte presente em mais de 40 países. A empresa promove a arrecadação de alimentos entre os fornecedores e centros de distribuição. Em 2020, o movimento recebeu quase 16 toneladas de doações no Brasil. A meta desse ano é superar esse número e beneficiar duas ONGs com as doações.

Doações feitas durante visitas do caminhão Mesa Brasil Sesc RJ (Foto: Divulgação)

Mesa Brasil – Também merece destaque neste contexto de pandemia o programa de segurança alimentar e nutricional Mesa Brasil Sesc, que atua no combate à fome e ao desperdício, recolhendo doações de alimentos não perecíveis e in natura de empresas e organizações e os distribuindo a instituições sociais cadastradas, como creches, abrigos, asilos, etc. Até junho deste ano, a iniciativa distribuirá 50 toneladas de alimentos para 26 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social em 22 municípios do Estado do Rio.

As doações do Mesa Brasil Sesc RJ integram a campanha Rio de Mãos Dadas, conjunto de iniciativas do Sistema Fecomércio RJ (Sesc RJ e Senac RJ) que visam a envolver a população em um clima de positividade em 2021. Os primeiros municípios contemplados foram Nova Friburgo, Teresópolis e Petrópolis, na Região Serrana. Esta semana e na próxima as entregas estão ocorrendo em cidades da Baixada Fluminense. No Rio, a doação será na Igreja São José, na Lagoa, no dia 10 de junho.

Liv Up – Outra ação nascida durante a pandemia se une à luta contra o desperdício de alimentos e no combate à fome. A foodtech Liv Up tem atuado desde maio de 2020 para levar alimentação saudável a pessoas em situação de vulnerabilidade ou comunidades carentes. Além de doar ao menos uma tonelada de alimentos orgânicos por semana, os consumidores foram convidados a participar da ação e com isso, a empresa atingiu mais de 30 toneladas de alimentos orgânicos doados em cinco meses, impactando mais de 22 mil pessoas todos os meses.

A ação conta com a parceria de mais de 18 ONGs e instituições que atuam transformando os alimentos in natura em refeições saborosas e nutritivas. Além disso, a iniciativa beneficiou as famílias de agricultores parceiros da empresa que, com o fechamento de escolas e restaurantes, se viram sem destino para toneladas de alimentos que já estavam na terra. Para doações e mais informações aqui.

Campanha ‘Juntos Contra o Desperdício’

Pela terceira vez, o Brasil participa do movimento internacional Stop Food Waste Day. Além de receber doações, a GRSA | Compass doa produtos que não serão utilizados e que ficam armazenados em seus Centros de Distribuição. Os participantes poderão fazer doações em dinheiro para a compra de cestas básicas que serão distribuídas a Organizações Não Governamentais (ONGs) apoiadas pelo Movimento.

Este ano serão atendidas as ONGs Fundação Amor Horizontal, que atende mais de 40 mil crianças por meio de 95 projetos credenciados em todo o Brasil, e a Banco de Alimentos, que atende cerca de 250 instituições na Grande São Paulo. Segundo a presidente da ONG Banco de Alimentos, Luciana Chinaglia, a instituição intensificou a mobilização para atender os mais atingidos pela crise provocada pela Covid-19.

Hoje a situação da população mais vulnerável piorou muito. Antes da pandemia havia 57 milhões de pessoas vivendo em insegurança alimentar no país; hoje são 116 milhões de pessoas, sendo que 19 milhões passam fome. Essas pessoas vivem de doações e as doações caíram muito”, diz Luciana.

Os números obtidos pela campanha internamente, nos anos anteriores, já são expressivos: em 2019, 7 milhões de pessoas foram impactadas e estimuladas a entregarem os pratos limpos após as refeições. A empresa obteve uma redução de 9% no desperdício durante a campanha de 2018, que se manteve durante o ano e cresceu em 2019, chegando a 22%.

Mesa Brasil recebe doações de produtores rurais

Doações feitas durante visitas do caminhão Mesa Brasil Sesc RJ (Foto: Divulgação)

A Mesa Brasil recebe doações de cestas de hortifrutigranjeiros (frutas, verduras e legumes) oriundos de propriedades rurais que integram o Mesa no Campo. Os produtores fornecem seus excedentes – alimentos em perfeito estado e com alto valor nutritivo, mas pouco aproveitamento comercial. O programa, por sua vez, os repassa a entidades socioassistenciais cadastradas, que fazem a distribuição para o público final.

O programa atua ainda em situações de calamidades, como desastres naturais. Só em 2020, o programa distribuiu 2,1 mil toneladas em 49 municípios do estado. Além disso, orienta os cozinheiros dessas entidades a aproveitarem integralmente os alimentos, utilizando de forma criativa e saborosa partes que tradicionalmente são descartadas.

A campanha Rio de Mãos Dadas engloba uma série de ações, com participação dos setores público e privado, para incentivar a retomada da confiança dos fluminenses, sob o impacto dos efeitos da pandemia da Covid-19. Ao longo do ano, estão previstas iniciativas como intervenções urbanas, exposições itinerantes, maratonas virtuais, iniciativas voltadas para empresários, cursos adaptados ao “novo normal”, entre outras.

A ação é simbolizada por esculturas em formato de mãos que se unem, representando a esperança da retomada de contatos, planos e afetos. Com 2 metros de altura e personalizadas por dez artistas, as obras foram expostas em vários pontos da capital do Rio de Janeiro e depois seguirão para o interior do estado.

Festival Consumo Consciente

“Festival Consumo Consciente: semeando bons hábitos”, um evento online e gratuito, voltado para todos os públicos, apresentará uma programação com diversas oficinas e debates sobre como otimizar o aproveitamento dos alimentos. A ação, que está sendo realizada durante o mês de abril, tem como finalidade incentivar funcionários, clientes e a população em geral a reduzir o desperdício diário durante as refeições e preparo dos alimentos.

Durante o evento também podem ser feitas doações voluntárias às ONGs beneficiadas estee ano. Nas redes e sites do SFWD, é possível acessar informações dos embaixadores sobre como evitar o desperdício alimentar e participar de ações com foco em estimular o consumo consciente.

Os especialistas são responsáveis por realizar atividades educativas durante o festival, ensinando desde a melhor forma de utilizar os alimentos até como fazer a própria horta. Como parte da campanha, a empresa irá postar em suas redes sociais do Brasil alguns desafios para os seguidores, como o “Desafio do Prato Limpo”, “Desafio Despensa Organizada” e “Desafio do Cardápio”.

A proposta é estimular os seguidores a postar em seus perfis os desafios com as hashtags #DesafioSFWD; #StopFoodWasteDay e #DesperdicioZero. Para acompanhar toda a dinâmica, a empresa convida a população a seguir o perfil oficial do movimento no Brasil, por meio do Instagram @stopfoodwastedaybrasil.

• #Desafio Prato Limpo – consiste em escolher melhor a quantidade de alimento que será produzido para as sobras não irem para o lixo.

• #Desafio Despensa Organizada – a ideia é conscientizar sobre a importância de ficar atento à validade dos produtos da despensa para que não haja o descarte de alimentos.

• #Desafio do Cardápio – a proposta é mostrar que um passo importante para evitar o desperdício é montar um cardápio semanal/mensal. Dessa forma, é possível programar o que pretende consumir e evitar compras desnecessárias.

Além dos desafios nas redes sociais, ao se inscrever no hotsite https://www.stopfoodwasteday.com.br, é possível baixar e-book com receitas pra lá de deliciosas. Também é possível ter acesso a stickers personalizados do movimento.

Parcerias – Com mais de 40 anos de atuação no Brasil, a GRSA faz parte do Grupo Compass que fornece refeições coletivas a mais de 1 milhão de pessoas diariamente. Com uma equipe de mais de 20 mil profissionais no Brasil, a GRSA|Compass fornece serviços de alimentação e suporte (hotelaria, recepção, jardinagem e manutenção) para empresas, hospitais, escolas, aeroportos, terminais rodoviários, espaços de evento e entretenimento e locais remotos como mineradoras e plataformas de petróleo.

A campanha “Juntos Contra o Desperdício” conta com o apoio das empresas IFCO, Mãe Terra, Unilever, Pink Farm, Mr. Veggy, Espaço Quitandeiras, Awí Superfoods, Greenpeople e B. Live. São embaixadores do movimento no país: Renato Caleffi, chef especialista em gastronomia orgânica e funcional e fundador do restaurante Le Manjue; Valéria Paschoal, nutricionista e diretora da VP Nutrição Funcional; Carina Müller, nutricionista funcional; Anna Elisa de Castro, chef health fundadora da NOS Escola, além de Sabrina e Silvia Jeha, sócias do viveiro de plantas medicinais e aromáticas Sabor de Fazenda.

Com Assessorias

In the news
Leia Mais