Dia do Sexo: apimentar a relação resolve o problema?

Incrementar a hora H pode ser a saída, diz pesquisa. Mas um terço dos brasileiros prefere arranjar outro parceiro

No Dia do Sexo, sugestão de fantasyshop é levar os 'brinquedinhos' em casa (Foto: Divulgação)
No Dia do Sexo, sugestão de fantasyshop é levar os ‘brinquedinhos’ em casa (Foto: Divulgação)

Neste dia 6 de setembro se comemora o Dia Internacional do Sexo. E você? Tem alguma coisa para festejar nesse quesito? Pesquisado site de relacionamento Sexlog mostra que um terço dos brasileiros acha que a vida sexual pode melhorar se encontrar novo parceiro sexual. Já 40% acreditam que uma apimentada na relação já resolve. O segredo, em muitos casos, pode estar em “criar” um clima. Será mesmo?

Para dar uma ‘mãozinha’ aos casais que desejam ter uma boa noite de sexo ao menos, as opções vão de mudanças no cardápio até mimos eróticos. A fantasyshop Besex, por exemplo, criou uma promoção que será entregues na casa dos assinantes todos os meses. A ação da vez propõe que os casais criem um jantar afrodisíaco. E utilizem as sugestões de roupas e brinquedos presentes na caixa. Cada box ainda vem com um guia que contém dicas de como usar os produtos e alcançar o prazer desejado por ambos.

“Homens e mulheres se sentem mais seguros em realizar algo novo na cama quando leem sobre o assunto. Esse é o intuito do guia, junto dos acessórios: encorajar os casais a inovarem e terem uma transa muito prazerosa”, explica a fundadora da Besex, Roberta Mustacchi. Segundo ela, vale a pena investir nessa melhora ao relacionamento. “Acaba saindo mais barato realizar uma fantasia sexual do que pagar um jantar romântico”.

Nesse Dia do Sexo, lembramos os efeitos dos chamados alimentos afrodisíacos, que conquistam pelo olfato e pelos hormônios. Eles ajudam a estimular a libido, aumentam a vasodilatação e favorecem a irrigação em várias partes do corpo. Os afrodisíacos ajudam a estimular o SNC (sistema nervoso central) e aumentar a vasodilatação, favorecendo o ato sexual.

A nutricionista comportamental, Patrícia Cruz, diz que alguns nutrientes estão ligados diretamente com nossa libido. O seu consumo ajuda a enriquecer os sentidos sexuais. Isso porque provocam aumento da frequência cardíaca, transpiração, elevação da temperatura corporal. São reações típicas da atividade sexual e melhoram a circulação sanguínea em todas as regiões do corpo.

Veja a pesquisa do Sexlog, maior site adulto de relacionamento da América Latina, com mais de 6 milhões de usuários cadastrados.
Por Favor, Compartilhe!
1 Comment
  1. […] Sexualmente Transmissíveis) e do incentivo ao planejamento familiar. “E tudo isso com “diversão, curtição e prazer“, como diz Daniel Marun, diretor executivo da DKT do Brasil, empresa detentora da […]

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

In the news
Leia Mais