Shopings do Rio recebem frascos para leite materno até dia 28

Campanha ‘Aqui tem Vida’, em parceria com a Fiocruz, é destaque da Agenda Positiva, que traz outros eventos grátis programados para os próximos dias

amamentacao

Lançada neste sábado, 19 de maio, Dia Mundial da Doação de Leite Materno, a campanha Aqui Tem Vida, da Fiocruz em parceria com a Ancar Invanoe, administradora dos shoppings Boulevard, Nova América, Botafogo Praia, Rio Design Barra e Rio Design Leblon, é o destaque da Agenda Positiva desta semana. Até dia 28, é possível doar frascos de vidro com tampa em algum dos pontos de coleta.

O Inca também está com alerta para seus estoques de sangue e espera receber doações. Destacamos ainda pontos extras para vacinação contra a gripe na Barra da Tijuca e do Recreio dos Bandeirantes e também no Bangu Shopping e um curso gratuito da UFRJ na escola de samba Portela e da UFRJ que vai ensinar a salvar vidas no Carnaval. Outra novidade é o Projeto ParkinSOM, que usará o Spotify para criar novos estímulos sonoros para doentes de Parkinson.

Campanha ‘Aqui tem Vida’ tem mamaço em shoppings

Para conscientizar a população da importância da amamentação e da doação de leite, a Fiocruz em parceria com a Ancar Invanoe, administradora dos shoppings Boulevard, Nova América, Botafogo Praia, Rio Design Barra e Rio Design Leblon,  promovem a campanha ‘Aqui tem Vida’. A ação acontecerá simultaneamente nos shoppings do grupo espalhados por todo o Brasil (são 19 no total) às 15h. A arrecadação de frascos de vidro, que vai até o dia 28 de maio. O objetivo é suprir um dos maiores problemas dos bancos de leite humano: o armazenamento.

Hoje, a Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano/Fiocruz (rBLH) necessita de 18 mil frascos por ano para garantir a nutrição de recém-nascidos prematuros e de baixo peso, que não podem ser amamentados pela própria mãe. A expectativa com a campanha é ajudar a salvar vidas de mais de 160 mil crianças em todo o país. Para apoiar os 219 bancos de leite nos 196 pontos de coleta, basta doar frascos de vidro de até 500g com tampa de plástico e boca larga, como os de café solúvel ou maionese, desde que seja de vidro.

Para o coordenador da Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano/Fiocruz, João Aprígio Guerra de Almeida, a iniciativa representa um momento de intensa mobilização. “A embalagem adequada para a doação é um ponto sensível para a gente, angariar frascos significa aumentar nossa capacidade operacional. O mamaço vai coroar toda essa ação, vai ser um marco importante até porque nossa expectativa é também divulgar que os bancos deleite são uma casa de apoio à amamentação e estão de portas abertas para qualquer mulher que tem dificuldade para amamentar”, aponta.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), a amamentação é uma das formas mais eficazes de garantir a saúde e a sobrevivência dos recém-nascidos. Porém, muitas mães se deparam com a dificuldade de amamentar, enquanto outras têm a possibilidade de doar.

De acordo com o Ministério da Saúde, cada 300 ml de leite sustentam, em media, dez recém-nascidos. Hoje, o Brasil possui a maior rede de bancos de leite do mundo com 221 unidades em todos os estados, além de 186 postos de coleta, mas, mesmo com o total de doações, a Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano consegue suprir apenas cerca de 60% da demanda para recém-nascidos internados em unidades de terapia intensiva.

Pontos extras para reforçar vacinação contra a gripe

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro realiza nesta sexta-feira (18) vacinação contra a gripe também é levada a sete diferentes pontos da Barra da Tijuca e do Recreio dos Bandeirantes. Quem for da população alvo da campanha e passar pelos pontos extras de vacinação entre 9h e 16h poderá tomar a vacina. Para isso é necessário apresentar documento de identidade e, quem tiver, também a caderneta de vacinação.

Os pontos de vacinação serão montados nos seguintes locais: Associação Bosque Marapendi (Av. Afonso Arinos de Melo Franco, 393, Barra), Câmara Comunitária da Barra (Av. Marechal Henrique Lott, 135, Parque das Rosas), Península (Rua das Bromélias, s/n, Barra), Clube Novo Leblon (Rua Oscar Valdetaro, 55, Barra), Igreja Atitude/Condomínio Barra Bali (Rua Sylvio da Rocha Pollis, 751, Barra), Condomínio Rio 2 (Rua Bruno Giorge, s/n, Barra), Associação de Moradores do Recreio (Av. Genaro de Carvalho, 1.878, Recreio).
A vacina tem por objetivo reduzir as internações, complicações e mortes em decorrência das infecções pelo vírus da gripe. A campanha vai até o dia 1º de junho. A meta é vacinar 90% dos grupos alvo recomendados da campanha, o que representa cerca de 1,4 milhão de pessoas no município do Rio.
Quem pode e quem não deve se vacinar – Podem se vacinar contra a gripe  apenas pessoas que fazem parte dos grupos de risco: crianças de 6 meses a 4 anos e 11 meses e 29 dias, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), idosos a partir de 60 anos, profissionais da saúde e professores das escolas públicas e privadas em atividade e  povos indígenas. Portadores de doenças crônicas não transmissíveis (como bronquite, asma), hipertensos, doenças cardíacas congênitas, cirrose, diabetes, obesos, transplantados, portadores de trissomias e outras condições clínicas especiais também devem se vacinar. Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional também estão entre o público-alvo da campanha.
Para pessoas que tenham apresentado febre recente, recomenda-se adiar a vacinação até que o estado de saúde melhore. Portadores de doenças neurológicas e síndrome Guillain-Barré devem consultar um médico antes de tomar a vacina e seguir suas orientações. Já pessoas com história de alergia grave e prévia a ovo ou a algum outro componente da vacina não devem se vacinar.

Vacinação e outros serviços de saúde em Bangu

Também nesta sexta-feira (18), o Bangu Shopping oferecerá à população diversos serviços de saúde, que acontecem nas Clínicas da Família e Centros Municipais de Saúde, como a vacinação contra gripe (H1N1) e febre amarela. A ação do Programa Academia Carioca da Secretaria Municipal de Saúde será realizada das 13h às 17h, exceto a vacinação que terá início às 10h, no saguão do Centro Médico & Profissional. As demais ações acontecerão no estacionamento do shopping próximo à nova entrada do Centro Médico & Profissional.

Entre os serviços proporcionados aos clientes estão auriculoterapia, avaliação de monoxímetro, que mede a emissão de CO2 no pulmão do fumante, orientação com profissionais para quem deseja parar de fumar, rastreio de sintomático respiratórios, além de aulas de dança, ginásticas e alongamento com professores do Programa Academia Carioca.

Nutricionistas também estarão à disposição do público para tirar todas as dúvidas sobre amamentação e leite materno. Os interessados em tomar as vacinas contra a gripe e febre amarela devem comparecer a partir das 10h ao saguão do Centro Médico apresentando identidade e carteira de vacinação. O atendimento será realizado por ordem de chegada.

A vacina contra a febre amarela poderá ser aplicada em crianças a partir de nove meses e adultos até 59 anos, exceto pessoas com imunossupressão secundária à doença ou terapias imunossupressoras (quimioterapia, radioterapia, corticoides em doses elevadas), pacientes em uso de medicações anti-metabólicas ou medicamentos modificadores do curso da doença, transplantados e pacientes com doença oncológica em quimioterapia, pessoas que apresentaram reação de hipersensibilidade grave ou doença neurológica após dose prévia da vacina, pessoas com reação alérgica grave ao ovo e pacientes com história pregressa de doença do timo (miastenia gravis, timoma).

Inca precisa de doações de sangue

O Banco de Sangue do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca) está passando uma baixa de doações de sangue. É muito importante ter estoque de sangue e plaquetas para o tratamento dos pacientes que necessitam de transfusões. Por isso, o Inca pede que a população compareça para doar.

 

Qualquer pessoa em boas condições de saúde, entre 16 e 69 anos e pesando mais de 50kg pode doar sangue. Não é necessário estar em jejum, mas é importante evitar alimentos gordurosos três horas antes da doação. Pessoas com febre, gripe ou resfriado não podem doar temporariamente, assim como as grávidas e as mulheres no pós-parto. Os doadores devem apresentar documento oficial com foto e os menores de 18 anos só podem doar com consentimento formal dos responsáveis.

O Banco de Sangue do Inca está localizado na Praça da Cruz Vermelha, 23, 2º andar, Centro do Rio funciona de segunda a sexta-feira: das 7h30 às 14h30. Aos sábados o horário de atendimento vai das 8h às12h.  Mais informações pelo telefone 3207-1021 ou 3207-1580.

Portela e UFRJ ensinam como agir em situações de emergência

A escola de samba Portela (Rua Clara Nunes, 81, Madureira, Zona Norte do Rio), em parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), promove, a partir deste sábado, às 9h, a primeira edição do curso gratuito ‘Salvando Vidas em Grande Eventos: Carnaval’. Formado por um ciclo de cinco palestras, pretende capacitar e formar multiplicadores em BLS (sigla em inglês de Suporte Básico de Vida) e gerenciamento de situações de emergência, como afogamento, obstrução das vias aéreas superiores, ferimentos e queimaduras.

Os encontros na quadra da escola também vão abordar uso e dependência de drogas lícitas e ilícitas, além da importância da prevenção de doenças crônicas como diabetes e hipertensão. Os especialistas falarão, ainda, sobre procedimentos anestésicos e cirúrgicos em situações de crise. Abrangente e dinâmico, o curso, que contará com treinamento prático em manequim, será realizado aos sábados, de 9h às 11h30, tendo como público -alvo funcionários e componentes da Portela, moradores de bairros vizinhos à quadra, além de alunos da graduação da UFRJ (Medicina, Odontologia e Enfermagem).

Os interessados em participar precisam ter mais de 18 anos. Ao todo, serão oferecidas 50 vagas e quem estiver presente em todas as palestras receberá certificado da UFRJ ao final do curso. Os graduandos da universidade que acompanharem as aulas terão horas de atividades de extensão creditadas no currículo. As inscrições serão feitas na quadra da Portela sempre meia hora antes do início de cada encontro. Informações: (21) 3217-1604.

Caminhada para conscientizar sobre lúpus em Ipanema

lupus Care Day

O Dia Internacional do Lúpus foi comemorado no dia 10 de maio com uma série de atividades pela Sociedade de Reumatologia do Rio de Janeiro, em parceria com grupos de apoio a pacientes. Até o Cristo Redentor foi iluminado de roxo, cor símbolo do lúpus, para lembrar a data. As comemorações continuam neste domingo, dia 20 de maio, quando será realizada a 1ª Caminhada Lupus Care, na orla de Ipanema, que terá concentração às 9h no Jardim de Alah, com circuito até o Arpoador. A caminhada é organizada pelo Instituto De Mendonça – Lupus Care e terminará às 11h. As inscrições podem ser feitas pelo site www.lupuscare.com.br. 

‘Fazendo as pazes com o corpo’ é tema de palestra na Tijuca

Para encerrar a programação do Mês das Mães, o Shopping Tijuca recebe neste domingo, dia 20, às 17h, a jornalista e escritora Daiana Garbin para uma palestra sobre seu novo livro “Fazendo as pazes com o corpo”. Daiana, que também é “youtuber” e criou o blog “Eu Vejo”, vai falar sobre sua luta contra um transtorno psicológico que faz com que a pessoa se incomode exageradamente com defeitos imaginários ou triviais de seu corpo, além de promover um bate-papo sobre transtorno alimentar, autoimagem e saúde mental.

Nesta terça e quarta, dias 15 e 16 de maio, realizou aulões de yoga e matpilates. O serviço faz parte da programação que o empreendimento elaborou em comemoração ao mês das mães.  O Shopping Tijuca fica na Av. Maracanã, 987 – Tijuca. Mais informações pelo www.facebook.com/shoppingtijuca.com ou pelo telefone 3094-6606.

Psicomotricidade para bebês em Botafogo

Os primeiros meses na vida de um bebê são sempre cercados por muitas descobertas e preocupações. É nesse momento que os pais aprendem de fato com lidar com aquela pessoa que depende completamente deles. Pensando em todas essas dúvidas, a Abra Cadabra, em parceria com o Shopping Riosul, convidou o grupo “Fazendo Artes Psicomotricidade” para a próxima edição do “Conhecendo seu Bebê”, neste sábado, 19 de maio, a partir das 10h30.

A equipe vai promover diversas atividades lúdicas trabalhando os princípios da psicomotricidade, estimulando o desenvolvimento, criatividade e espontaneidade em duas turmas pré-determinadas na hora da inscrição, uma às 10h30 e a outra às 14h.  O evento é gratuito e para se inscrever basta acessar o link: http://eventos.abracadabra.com.br/#inscricao.  

Música para quem tem Parkinson

Estudos científicos mostram que padrões rítmicos funcionam como um estímulo auditivo para a coordenação dos pacientes, permitindo que eles controlem melhor seus movimentos. Ou seja, as batidas auxiliam no domínio dos passos durante uma caminhada e podem garantir melhor aproveitamento em outros exercícios motores. Com o objetivo de proporcionar mais qualidade de vida aos pacientes portadores de Parkinson, uma doença degenerativa crônica e progressiva do sistema nervoso central relacionada ao envelhecimento, o Aché Laboratórios lançará, dia 21 de maio, o Projeto ParkinSOM. 

A ação contará com a disponibilização de 10 playlists no Spotify (serviço de streaming gratuito de música online), com sons de 60 a 150 batidas por minuto (BPM). Inicialmente, 230 músicas nacionais e internacionais poderão ser acessadas. As playlists serão atualizadas periodicamente e contam com diversos estilos: jazz, samba, MPB, rock, pop, entre outros. Para ouvi-las basta baixar o aplicativo Spotify no celular ou computador, buscar o perfil ParkinSOM (ou clicar no link spoti.fi/2wPwrei) e entrar em seu melhor ritmo.

A música age diretamente na região do cérebro que é responsável pelas emoções, gerando motivação e afetividade, além de aumentar a produção de endorfina, que uma é substância produzida pelo organismo e que gera sensação de prazer. A música, quando usada como adjuvante ao tratamento medicamentoso, pode auxiliar o paciente a viver uma vida mais saudável”, explica Thais Cuperman Pohl, gerente médica do Aché Laboratórios Farmacêuticos.

Além disso, as músicas são capazes de promover a liberação de dopamina, o principal neurotransmissor envolvido no controle motor. “Sabemos que a musicoterapia é uma grande aliada ao tratamento do Parkinson, pois ajuda o paciente a se orientar, relaxar, a se expressar e a potencializar suas funções físicas e mentais. Nosso projeto visa reforçar a autonomia dessas pessoas, permitindo que possam lidar com a doença mais facilmente”,finaliza Andreia Frias, gerente de Marketing da Franquia Sistema Nervoso Central.

 Com Assessorias*

In the news
Leia Mais